Imagem da matéria: Tokens DeFi despencam até 20% após ataque contra a Curve Finance
Foto: Shutterstock

Os principais tokens de finanças descentralizadas (DeFi) baseados na rede Ethereum sofreram uma forte desaceleração nos últimos dias em meio aos temores que se seguiram após o hack na Curve Finance, no último fim de semana.

A Curve Finance é uma das maiores exchanges descentralizadas (DEX) no segmento DeFi, com depósitos totais no valor de US$ 2,09 bilhões, segundo  dados do DeFiLlama.

Publicidade

Leia também: Por que o ataque contra a Curve ameaça o mercado de criptomoedas

O protocolo foi hackeado no dia 30 de julho, com os hackers roubando aproximadamente US$ 52 milhões devido a uma vulnerabilidade na linguagem de programação Vyper, afetando pelo menos quatro pools da Curve Finance.

As oito principais criptomoedas no Índice do portal Glassnode caíram 6,7% na última semana, após uma forte alta que havia sido registrada um dia antes do hack da Curve Finance.

Já índice DeFi Pulse dos dez principais tokens DeFi por capitalização de mercado foi negociado 7,3% mais baixo desde a semana passada, de acordo com dados do Coingecko .

As criptomoedas com maiores queda nos dois índices incluem a Curve DAO (CRV), com uma queda de 20,5% ao longo da semana, seguida da Compound (COMP), com uma queda de 18% durante o mesmo período, e a Synthetix Network (SNX), com 17% de queda, além da Aave (AAVE), com 14%.

Publicidade

Risco de efeito cascata no token CRV

O hack na Curve Finance expôs o setor DeFi a uma espécie de risco de contágio decorrente de contratos construídos usando Vyper em outros protocolos.

Outro risco agudo para a Curve DAO veio da liquidação de empréstimos pesados tomados pelo fundador da Curve, Michael Egorov. A maior posição de empréstimos dele estava atrelada ao popular protocolo de empréstimos Aave.

O montante do empréstimo de Egorov ficou em US$ 49,2 milhões de USDT emprestado contra 257,4 milhões de tokens CRV no valor de US$ 148,6 milhões, segundo dados da carteira Ethereum.

Se o empréstimo de Egorov fosse liquidado, poderia desencadear uma venda maciça de tokens Curve, ameaçando baixar o preço do CRV abaixo do valor do empréstimo principal na Aave.

Publicidade

Isso colocaria os detentores de tokens AAVE em risco, uma vez que a deficiência entre o valor principal e a garantia CRV teria sido paga com a venda da AAVE do seu módulo de segurança, de acordo com o seu design.

Apesar de Egorov ter melhorado sua posição de dívida e reembolsou alguns de seus empréstimos depois de fazer negociações OTC com inúmeros fundos, desenvolvedores e potentes usuários DeFi, os riscos ainda estão vinculados.

Hack da Curve afeta tokens DeFi

Embora o Compound não tenha sido diretamente afetado pelo hack Curve, seu token de governança perdeu os ganhos que havia registrado nas semanas anteriores.

COMP havia aumentado 153% para atingir uma nova alta anual de US$ 77,34 no dia 17 de julho, de acordo com dados do Coingecko, em meio a esperanças otimistas em torno de um novo protocolo lançado pelo fundador da Compound, Robert Leshner.

Na ausência de um anúncio sobre a utilidade do COMP token no novo empreendimento de Leshner e outros catalisadores positivos, o COMP acabou derrubado.

Publicidade

Da mesma forma, Synthetix Network (SNX) subiu para uma alta de três meses de US$ 2,99 em julho, após formar uma parceria com o fundo de investimentos cripto e o market maker, Jump Crypto, para melhorar a liquidez do protocolo.

No entanto, o token SNX distribuiu seus ganhos após o hack da Curve Finance — caindo 18,4% desde a semana passada. Ainda assim, o SNX aumentou 10,6% nos últimos 30 dias e 68,7% no acumulado do ano.

Em comparação, os compradores de Maker (MKR) conseguiram manter os seus ganhos impressionantes em julho, uma vez que o token aumentou a exposição a ativos do mundo real e a comunidade implementou a atualização de sua tokenomics para aumentar as recompras MKR. A MKR registrou um aumento de 2,7% na semana e de 151,6% desde o início do ano.

Os tokens de exchanges descentralizadas concorrentes da Curve, o Uniswap (UNI) e o Sushi (SUSHI) aumentaram, respectivamente, 4,2% e 7,9% ao longo da semana. No Entanto, o Balancer (BAL) caiu 6,2% durante o mesmo período.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Baleia deposita 365 bilhões de PEPE, enquanto KangaMoon e Optimism vivem uma alta massiva

Baleia deposita 365 bilhões de PEPE, enquanto KangaMoon e Optimism vivem uma alta massiva

KangaMoon continua com sua trajetória ascendente, aproximando-se de um recorde de $8 milhões levantados na sua pré-venda
Rainha Das Criptomoedas, Ruja Ignatova, posa para foto

Há mais evidências de que a “Rainha das Criptomoedas” foi assassinada por chefão das drogas, diz BBC

Podcast da BBC sugere que relatos anteriores sobre o assassinato da búlgara Ruja Ignatova são verdadeiros
Fachada da Comisión Nacional de Valores Argentina (CNV

Argentina recebe pedido de registro de 35 exchanges de criptomoedas; saiba quais são

Quem não se cadastrou na Comissão Nacional de Valores Mobiliários até a última terça-feira (3) não poderá operar com criptomoedas no país
Celular com o logo da CVM e notebook aberto no site da Comissãod e Valores Mobiliários

Caso contra Atlas Quantum exemplifica a longa demora para CVM julgar processos

O prazo médio para a Comissão de Valores Mobiliários terminar de julgar Termos de Acusação é de quatro anos e meio