OlympusDAO
OlympusDAO (Imagem: divulgação)

OHM, a “moeda de reserva descentralizada” da OlympusDAO, despencou 30% na manhã desta segunda-feira (17). Isso faz com que o token de nicho esteja valendo US$ 123, de acordo com dados do site CoinGecko.

Desde 1º de janeiro, o token caiu um total de 65% em meio ao péssimo início de ano do mercado de criptomoedas. O OHM já desvalorizou mais de 90% desde sua alta recorde de US$ 1.415, alcançada em abril de 2021.

Publicidade

Desde sua criação no ano passado, o OHM chamou a atenção na comunidade cripto. O interesse foi movido pelo design único da OlympysDAO, chamado de “ponzinomia” por muitos, além das recompensas por staking da plataforma.

De acordo com o repórter cripto Colin Wu, logo após a mais recente queda, o projeto oferecia recompensas de até 190.000% aos usuários. Agora, as recompensas valem 3.720%.

Um dos principais motivos por trás da queda de hoje pode girar em torno de um trader influente no Twitter chamado “el sk”, que está realizando lucros por sua grande posição em OHM.

Uma transação no Ethereum compartilhada no Twitter foi associada a esse trader, com a venda de mais de US$ 10,5 milhões em OHM pela stablecoin DAI.

Publicidade

De acordo com o explorador de blockchain Etherscan, a transação foi executada na exchange descentralizada (DEX) SushiSwap à 01h55 (horário de Brasília) desta segunda-feira.

Além dessa grande venda, dados obtidos do projeto de finanças descentralizadas (DeFi) Rari mostram que aconteceu uma série de liquidações, em que a maioria eram posições compradas em OHM. Essas liquidações também acrescentaram uma pressão de venda significativa que piorou a cotação da moeda.

O que é a OlympusDAO?

A OlympusDAO é um experimento cripto único em que o valor do token é lastreado no valor do tesouro do projeto. Esse tesouro se expande junto com a quantia de OHMs emitidos e distribuídos por meio de seu mecanismo de staking e títulos em OHM.

Usuários podem comprar tokens OHM com desconto, chamados de títulos (“bonds”), em troca de outras criptomoedas, incluindo DAI (DAI), Bitcoin sintético (wBTC) ou tokens de fornecimento de liquidez de outras corretoras cripto.

Publicidade

Esses títulos vencem, realizando seu valor total, após 15 épocas (“epochs”) — uma época equivale a cerca de oito horas.

A venda desses títulos gera dinheiro ao protocolo que, por sua vez, são usados para emitir e distribuir mais OHMs com os quais usuários fazem o staking na OlympusDAO.

Com rendimentos tão altos de staking, usuários que coletam mais OHM são bastante incentivados a fazer o staking na OlympusDAO dos tokens obtidos pelas recompensas.

O design influenciou muitos outros projetos e a OlympusDAO apresentou uma solução padrão de títulos que outros projetos podem usar, chamada OlympusPro.

Mas embora títulos de tokens estejam fazendo sucesso, sua força não parece mais estar ajudando o preço do OHM.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

Memecoins da GameStop e Iggy Azalea encerram semana com perdas de até 50%

MOTHER – uma memecoin lançada pela rapper Iggy Azalea – despencou 38% nos últimos 7 dias
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

ETFs de Bitcoin voltam a ter entradas líquidas com fluxo de US$ 101 milhões

ETFs de Bitcoin tiveram dois dias de saídas e voltaram a ter fluxo positivo com uma retomada do ânimo do mercado após dados de inflação nos EUA
Imagem da matéria: Bitcoin Lightning e soluções de segunda camada podem ser “abusadas ​​por criminosos”, diz UE

Bitcoin Lightning e soluções de segunda camada podem ser “abusadas ​​por criminosos”, diz UE

Um relatório do Centro de Inovação da UE diz que as soluções de Bitcoin e de segunda camada podem causar “problemas para as investigações policiais”
Fachada da Comisión Nacional de Valores Argentina (CNV

Argentina recebe pedido de registro de 35 exchanges de criptomoedas; saiba quais são

Quem não se cadastrou na Comissão Nacional de Valores Mobiliários até a última terça-feira (3) não poderá operar com criptomoedas no país