Imagem da matéria: Tether (USDT) chega ao dobro de valor de mercado da stablecoin USDC após colapso de banco nos EUA
Foto: Shutterstock

A capitalização de mercado da stablecoin USDT, da Tether, aumentou para quase US$ 75 bilhões na manhã desta quinta-feira (16), seu nível mais alto desde maio de 2022, mostram dados da CoinGecko.

O valor de mercado do USDT agora é quase o dobro do da USD Coin (USDC), a segunda maior stablecoin do mundo, emitida pela empresa Circle, sediada em Boston. As duas stablecoins são as atuais líderes de mercado para esta categoria de criptomoeda.

Publicidade

As stablecoins se tornaram um pilar fundamental da economia de ativos digitais, aumentando de valor nos últimos anos. Em março de 2020, por exemplo, o USDC tinha um valor de mercado de aproximadamente US$ 564 milhões; hoje, esse número é de US$ 37,7 bilhões, de acordo com a CoinGecko.

O valor de mercado da Circle sofreu um grande golpe recentemente, em meio à última crise bancária. A stablecoin perdeu brevemente sua paridade de US$ 1 na semana passada em meio ao desastre em torno da quebra do Silicon Valley Bank (SVB), onde a Circle detinha até US$ 3,3 bilhões em reservas.

Muitos investidores fugiram para alternativas durante a perda de paridade, e os dados agora mostram que eles ainda não retornaram.

Dominância da Tether aumenta

Embora os problemas do USDC pareçam resolvidos e agora o token esteja sendo negociados em paridade com o dólar, os tremores secundários da corrida bancária do SVB mostram que os investidores têm, no entanto, optado cada vez mais pelo USDT.

Publicidade

Isso foi demonstrado pelo domínio do USDT, que subiu para 58,1%, o nível mais alto desde meados de setembro de 2021, de acordo com a Glassnode.

Enquanto isso, o domínio do USDC caiu para pouco mais de 30%, uma queda significativa de quase 38% no ano passado, quando a stablecoin do Circle tentou capitalizar em cima dos problemas enfrentados pela rival com o colapso do projeto Terra.

Naquela época, o USDT perdeu brevemente sua paridade com o dólar, com os detentores de Tether resgatando mais de US$ 7 bilhões em stablecoin por dinheiro fiat em aproximadamente 48 horas.

Outro motivo que alimenta o crescente domínio do USDT é o declínio acentuado no fornecimento de stablecoin BUSD, da Binance, após a repressão regulatória, que levou a Paxos, o emissor da stablecoin, a interromper a cunhagem do token.

Publicidade

Como mostram os dados da CoinGecko, o mercado da BUSD caiu de US$ 16 bilhões em 13 de fevereiro para apenas US$ 8,3 bilhões atualmente.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
ilustração do famoso sapo pepe

PEPE salta 19% e bate recorde após boato de listagem na Coinbase e hype da GameStop

As últimas 24 horas foram uma tempestade perfeita para Pepe: Roaring Kitty voltou causando um boom das memecoins, ao mesmo tempo que se espalhou rumores de listagem na Coinbase
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

ETFs de Bitcoin têm entrada de US$ 303 mi, impulsionados por Fidelity e Grayscale

Os fluxos de entrada de ETFs de Bitcoin à vista nos EUA atingiram uma alta de US$ 303 milhões em duas semanas, já que o preço do Bitcoin ultrapassou US$ 66 mil
Ilustração de uma lâmpada flamejando B de bitcoin

Parceria em tokenização entre Mercado Bitcoin e Bolt Energy democratiza acesso ao setor de energia

A parceria entre as empresas teve início em 2022
Imagem da matéria: Corretoras fazem ação para ajudar vítimas de enchentes no RS; 4 vão dobrar doações de usuários

Corretoras fazem ação para ajudar vítimas de enchentes no RS; 4 vão dobrar doações de usuários

Binance irá doar vouchers de tokens BNB para moradores do Rio Grande do Sul, enquanto Bitso, Foxbit, Bybit e OKX irão dobrar os valores doados por seus clientes