Imagem da matéria: Suspeito de matar norueguês após negociação de Bitcoin é preso na França
(Foto: Divulgação)

Makaveli Lindén, suposto assassino do investidor de bitcoin norueguês Heikki Bjørklund Paltto, de 24 anos, foi preso na tarde desta terça-feira (23) na cidade de Dijon, na França, após uma bem sucedida busca internacional comandada pela Interpol, a polícia internacional.

De acordo com a mídia sueca Aftonbladet, a polícia de Oslo, na Noruega, confirmou sua prisão. Isto acontece uma semana após Paltto ter sido assassinado a facadas em seu apartamento no bairro de Majorstuen da capital norueguesa.

Publicidade

“Estamos enviando uma equipe à Dijon, na França, para participar do interrogatório”, disse o promotor de justiça norueguês Christian Hatlo, segundo o site.

Ele indicou que provavelmente um pedido de extradição já irá junto com as autoridades para ser entregue à Justiça da França nesta quarta-feira (24), reportou o site Vartoslo.

“A extradição pode demorar semanas ou meses. Não sabemos. A Noruega tem um acordo de extradição com a França, mas é muito difícil dizer algo específico agora. No entanto, o mais importante no momento é interrogar Lindén”, disse Hatlo, segundo o site.

Lindén, morador de Uppsala, na Suécia, havia fugido da Noruega após o crime. Os investigadores acreditam que na manhã do dia 15 de outubro Lindén entrou pela janela do apartamento de Paltto achando que a casa estava vazia com a intenção de apenas roubar.

Publicidade

No entanto, ao ser visto pela vítima houve uma briga corporal e Lindén o esfaqueou por várias vezes.

A princípio, considerando que Paltto era negociante de criptomoedas, a polícia acreditava que o crime estava diretamente ligado a algum acordo mal sucedido, pois momentos antes do crime ele havia vendido uma grande quantidade de bitcoin.

No entanto, a inspetora de polícia Grete Lien Metlid disse em um comunicado à imprensa que a teoria de que Paltto foi uma “vítima aleatória” estava se tornando mais forte, visto que Lindén tem um histórico criminal bastante extenso.

O crime

Paltto, de 24 anos, foi assassinado a facadas pouco depois de negociar pessoalmente dinheiro por bitcoin. As autoridades acreditavam, na ocasião, que a negociação tinha dado errada e que os dois fatos poderiam estar relacionados. O crime aconteceu no bairro Majorstuen em Oslo, capital da Noruega.

Ele morreu vítima de vários golpes de faca na manhã de segunda-feira (15) em seu próprio apartamento. Uma quantidade de dinheiro permaneceu no lugar do crime, segundo relatou a polícia.

Publicidade

O primeiro a presenciar o crime e procurar ajuda foi seu companheiro de quarto. A polícia, então, começou a investigação até chegar ao suposto criminoso.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil
Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br
Siga também o nosso Instagram com análises diárias.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: '101 Perguntas sobre Bitcoin': Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

‘101 Perguntas sobre Bitcoin’: Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

A obra discorre os princípios técnicos da moeda até suas implicações socioeconômicas no contexto atual, de modo a proporcionar um entendimento profundo ao público geral
o que é mineração de bitcoin

Dificuldade de mineração de Bitcoin está despencando, mas por quê?

A redução no preço do Bitcoin, combinada com a diminuição das recompensas de mineração, resulta em menos mineradores e em uma rede menos robusta — pelo menos por enquanto
Imagem da matéria: Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

“Parte técnica você descreve como funciona e acabou. Nas vacas sagradas leva um bom tanto de desconstrução de conceitos”, diz Breno Brito
Criador do Twitter e da Square, Jack Dorsey em palestra no TED

Preço do Bitcoin atingirá US$ 1 milhão até 2030, diz Jack Dorsey

Em uma entrevista recente, o cofundador do Twitter e da Block argumentou que o Bitcoin poderia atingir US$ 1 milhão e ir “além” no futuro