Imagem da matéria: Sobrinho de Bolsonaro pede contribuição em bitcoin para financiar manifestação de 7 de Setembro
Sobrinho de Bolsonaro Leo Índio (Foto: Reprodução/Instagram)

Léo Índio, que nas redes sociais se apresenta como “sobrinho do presidente” Jair Bolsonaro, tem se mobilizado para ajudar na arrecadação de fundos em dinheiro e bitcoin para financiar os atos pró-presidente previstos para ocorrer no próximo feriado de 7 de setembro.

A alternativa de contribuição por meio da criptomoeda, segundo Leo, foi em decorrência da decisão do último dia 20 do ministro do STF, Alexandre de Moraes. O magistrado determinou o bloqueio de uma conta bancária ligada a uma chave Pix usada para angariar fundos para o que o ministro e a PGR entenderam se tratar de financiamento para atos criminosos e violentos, conforme apurou o UOL na ocasião.

Publicidade

Doação em bitcoin

Em uma publicação em sua conta no Instagram na semana passada, Léo compartilhou um endereço de bitcoin e argumentou: ]

“O supremo togado, cabeça de ovo, está mandando bloquear os PIXs que arrecadam para o dia 7 de setembro! Por enquanto a chave PIX [email protected] está funcionando, mas caso tenha problemas, criamos essa nova forma de contribuição!”. Até o fechamento do texto, não houve nenhuma transferência de bitcoins para a carteira divulgada por Léo — bc1q734wusfg95yzg2at777d7lu7cmd3e3ymlzz4g8 — constanto no momento saldo zero.

Em outra publicação na segunda-feira (30), Léo pede doação por de Pix, para o aluguel de um caminhão. A chave é associada a um motorista de aplicativo, segundo apurou o UOL. Ele resumiu: “Chegou a hora do povo se levantar! Dia 7 de setembro, vamos pras ruas, pedir a Nova Independência!”.

Em reportagem nesta nesta terça (31) sobre o assunto, o UOL revelou que  Léo — Leonardo Rodrigues de Jesus — é filho do militar e ex-professor do Instituto Militar de Engenharia, Cláudio Márcio Rodrigues de Jesus, e da pianista e missionária Rosemeire Nantes Rodrigues, irmã de Rogéria Nantes, mãe dos três filhos mais velhos de Jair Bolsonaro.

Publicidade

7 de Setembro

Ainda segundo o UOL, um dos articuladores do movimento pró-Bolsonaro, o caminhoneiro Marcos Gomes, o Zé Trovão, afirmou afirmou em um canal de Telegram que a pauta principal do protesto é retirar os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Ao contrário de Gomes, Léo disse ao UOL que não defende o ataque aos integrantes da Corte e que apoia a harmonia entre os Poderes. Ele também negou cuidar da arrecadação e que apenas divulga a vaquinha.

Dia da Independência

O ‘Dia da Independência’ é um feriado nacional do Brasil celebrado no dia 7 de setembro de cada ano, em comemoração à declaração de ‘Independência do Brasil do Império Português’, declarada na mesma data, em 1822, pelo príncipe regente Dom Pedro.

VOCÊ PODE GOSTAR
Fachada do MPDFT - Facebook

PM que atraía colegas de farda para pirâmide com criptomoedas é alvo do MP do DF

O policial militar e um grupo suspeito de pessoas e empresas teriam aplicado um golpe de R$ 4 milhões; alvos do MPDFT são do DF e GO
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin se estabiliza após a montanha-russa da inflação e da taxa de juros

Manhã Cripto: Bitcoin se estabiliza após a montanha-russa da inflação e da taxa de juros

Taxas de juros desempenham um papel fundamental na ação do preço dos ativos de risco, como as criptomoedas e o mercado de ações
Imagem da matéria: Saídas líquidas de ETFs de Bitcoin atingem US$ 200 milhões antes da reunião do FOMC

Saídas líquidas de ETFs de Bitcoin atingem US$ 200 milhões antes da reunião do FOMC

Os participantes do mercado esperam que o Federal Reserve mantenha a taxa de juros inalterada, mas os investidores ainda parecem cautelosos
Fusão da imagem de uma moeda de bitcoin com a bandeira do Paraguai

Senado do Paraguai aprova lei que pune com até 10 anos de prisão mineradores de criptomoedas que roubam eletricidade 

Para o relator Ever VIllalba, o PL não criminaliza a mineração de criptomoedas, mas as leis devem ser adaptadas ao setor; PL seguirá para a Câmara dos Deputados