Imagem da matéria: Fundo de tenista Serena Williams investiu na corretora de criptomoedas Coinbase
(Foto: Wikipedia)

A tenista Serena Williams, uma das jogadoras de maior sucesso do mundo, está entre os investidores da exchange e carteira de criptomoedas Coinbase, através de sua empresa de capital de risco.

O fato foi revelado por ela mesma no Instagram na semana passada, quando divulgou sua empresa de investimentos ‘Serena Ventures’, cujo capital é de US$ 12 bilhões, segundo informações no site da instituição.

Publicidade

No post, Williams sugere que manteve sua empresa em segredo desde sua fundação, em 2014, ao menos nas redes sociais.

“(sim, eu consigo manter um segredo) Eu lancei a Serena Ventures com a missão de dar oportunidades aos fundadores de uma série de indústrias”.

Ela explica que a Serena Ventures investe em empresas que adotam liderança diversificada, capacitação individual, criatividade e oportunidade. O site  da empresa revela investimentos em mais de 30 instituições, mas somente o logo de 22 aparecem no portfólio.

De acordo com informações na plataforma, o foco nos investimentos é em ideias e produtos inovadores, principalmente de empresas em estágio inicial.

Publicidade

Os investimentos vão de startups em áreas como fitness, roupas e alimentos à saúde da mulher, mas não há informações de valores investidos nessas empresas e nem quanto foi investido na criação da Serena Ventures.

No entanto, é sabido que a Coinbase tem um valor de mercado de US$ 8 bilhões e que de 2015 para cá a empresa recebeu investimentos que foram de US$ 10,5 milhões a US$ 300 milhões em cinco rodadas de financiamentos, segundo dados do Crunchbase.

O investimento da Coinbase pode não ser uma surpresa, já que o marido de Williams, o cofundador do Reddit, Alexis Ohanian, foi um dos primeiros a investir na exchange através de sua empresa ‘Initialized Capital’, publicou a Coindesk.

(Imagem: Reprodução/
Serena Ventures )

Vice de Serena trabalhou na JPMorgan

A vice-presidente da Serena Ventures, é a americana Alison J. Rapaport, responsável pelo supervisionando e gerenciamento de portfólio. Em seu currículo consta sua colaboração no banco JPMorgan Asset Management, subsidiaria do JPMorgan Chase & Co.

Publicidade

Sobre Serena Wiliams

Serena Williams é uma tenista americana considerada uma das melhores e mais vitoriosas na história do esporte e também uma das mulheres mais bem sucedidas dos Estados Unidos.

Segundo a Forbes, a tenista possui uma fortuna avaliada em US$ 27 milhões (mais de R$ 100 milhões), o que a torna a atleta feminina mais bem paga do mundo na atualidade.

Williams, aos 37 anos, possui de 23 títulos de Grand Slam na era Open, incluindo Roland-Garros 2002 e Wimbledon 2002.

Ela também conquistou 14 títulos de duplas do Grand Slam ao lado de sua irmã mais velha, Venus Williams, 38, além de ganhar quatro medalhas de ouro em Olimpíadas.


3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

Publicidade
VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Justin Sun se oferece para comprar US$ 2,3 bilhões em Bitcoin do governo da Alemanha

Justin Sun se oferece para comprar US$ 2,3 bilhões em Bitcoin do governo da Alemanha

O criador da Tron disse que está disposto a comprar as reservas de Bitcoin para reduzir o impacto da venda pela governo alemão no preço da criptomoeda
Ilustração de vários hamsters lado a lado vestidos de paletó e gravata

“Hamster Kombat é o serviço digital de crescimento mais rápido do mundo”, diz CEO do Telegram

Pavel Durov afirmou também que o jogo de criptomoedas atingiu 239 milhões de usuários mesmo sem uma data específica para o lançamento do token
Imagem da matéria: Bitcoin pode cair até US$ 50 mil em breve, alerta analista brasileiro

Bitcoin pode cair até US$ 50 mil em breve, alerta analista brasileiro

Analista da Foxbit avalia gráficos do Bitcoin e aponta que preços devem continuar pressionados ao longo da semana
Imagem da matéria: Robinhood planeja lançar contratos futuros de criptomoedas, diz Bloomberg

Robinhood planeja lançar contratos futuros de criptomoedas, diz Bloomberg

Produtos seriam lançados para mercado dos Estados Unidos e Europa em 2025 por meio das licenças da Bitstamp, comprada em junho