Imagem da matéria: SEC fecha empresa nos EUA que deu golpe de US$ 12 milhões com criptomoedas
Foto: Shutterstock

A Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos anunciou ontem que obteve uma ordem de restrição e congelamento de ativos para interromper as operações de uma empresa com sede em Las Vegas, a Profit Connect Wealth Services, que fraudou pelo menos 277 investidores em até US$ 12 milhões.

Joy Kovar, de 86 anos, e seu filho Brent Kovar, de 54, disseram aos investidores que seu dinheiro seria canalizado para uma série de títulos e ativos, incluindo Forex e ações, para “diversificar seu fluxo de receita da empresa principal fonte de renda da Blockchain Mining. ”

Publicidade

A empresa disse que suas apostas em criptomoeda e no mercado de ações eram apoiadas por um “supercomputador de inteligência artificial” que era capaz de garantir retornos anuais fixos de 20-30%.

O Profit Connect Wealth Services tinha como alvo específico as pessoas com dinheiro de fundos de investimento, home equity e aqueles que “buscavam construir fundos educacionais para suas famílias”.

A reclamação da SEC, que foi apresentada no Tribunal Distrital de Nevada e aberta na sexta-feira, diz que mais de 90% da receita da empresa simulada veio de seus investidores e que o dinheiro não foi usado para negociar criptomoedas.

Em vez disso, US$ 1,2 milhão foi canalizado para a conta bancária pessoal de Joy Kovar em dez transferências iguais ao longo de menos de dois meses. Além disso, Joy tirou US$ 1,7 milhão diretamente das contas Profit Connect por meio de saques em dinheiro, pagamentos com cartão de crédito e compra de um automóvel.

Publicidade

A dupla mãe e filho também usou fundos de investidores para pagar por promoções de mídia social e pagou parte deles a investidores anteriores em um esquema do estilo Ponzi.

Uma audiência está marcada para 26 de julho para determinar se deve continuar o congelamento de ativos e entrar com uma liminar contra os Kovars.

Não é a primeira vez que os Kovars se envolvem em fraude. Em 2009, a SEC entrou com uma ação civil contra Brent e seu pai, Glenn Kovar, por orquestrar um esquema de pump-and-dump sob o nome de Skyway Global, que novamente fraudou investidores em US $ 12 milhões.

VOCÊ PODE GOSTAR
Logo da ftx, dólares e bitcoin

Analistas preveem alta no mercado cripto com ressarcimento bilionário a clientes da FTX

A FTX deve cerca de US$ 11 bilhões a credores, mas a massa falida conseguiu levantar mais de US$ 14 bilhões
Imagem da matéria: Empresário "vende" Bitcoin durante discurso para formandos nos EUA e recebe onda de vaias

Empresário “vende” Bitcoin durante discurso para formandos nos EUA e recebe onda de vaias

O discurso de formatura da Ohio State University incluiu defesa do Bitcoin e cantorias que chocaram o público
Sunny Pires surfando

Surfista brasileiro recebe patrocínio em criptomoedas de comunidade web3

Sunny Pires, de 18 anos, embarca neste mês em expedição à Nicarágua com apoio da comunidade web3 Nouns
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas