Imagem da matéria: Receita Federal de Hong Kong desmonta operação que lavou US$ 150 milhões com tether (USDT)
Policial de Hong Kong (Foto: Shutterstock)

A Receita Federal de Hong Kong desmantelou uma organização criminosa que lavou cerca de US$ 150 milhões através do mercado de criptomoedas. Segundo as autoridades, a maior parte do dinheiro ilícito  — em dólar de Hong Kong — era trocado em exchanges pela Tether (USDT) e distribuída para dezenas de wallets a partir de Cingapura, revelou o South China Morning Post nesta quinta-feira (15).

A operação, batizada de ‘Coin Breaker’, ocorreu no último dia 8 nos bairros de Mong Kok, Tuen Mun e Wong Chuk Hang. O mentor da quadrilha foi preso em Tin Shui Wai. A polícia alfandegária de Hong Kong teve ajuda determinante de autoridades de Cingapura.

Publicidade

Mark Woo Wai-kwan, chefe do departamento da Alfândega de Hong Kong, a nova modalidade de lavagem até então não era conhecida pelas autoridades da região autônoma chinesa. Ele afirmou que o crime vinha ocorrendo há cerca de 15 meses.

“É a primeira vez em Hong Kong que uma rede de lavagem usa criptomoedas para ocultar o dinheiro sujo”, disse Wai-kwan, segundo o jornal. Ele acrescentou que o modus operandi tornou a detecção das transferências mais difícil.

Pelo menos 40 endereços de carteiras USDT fazem parte das investigações.

Ainda assim, prosseguiu o oficial, cerca de US$ 2,5 milhões, provavelmente oriundo de receitas ilícitas, foram congelados em contas administradas pelo suposto mentor da quadrilha. Segundo as investigações, ele usava empresas laranjas para controlar e transacionar os fundos.

Presos em Hong Kong

Todos os acusados, que têm entre 24 e 36 anos — e recebiam entre 3% e 5% de comissão pelo ‘trabalho’ — foram libertados sob fiança, mas ficarão sob observação. A polícia também acredita que eles podem podem ser laranjas no negócio. 

Publicidade

A organização criminosa também lavou cerca de US$ 45 milhões de maneira convencional, dizem os investigadores do caso. A quantia foi distribuída para mais de 100 contas bancárias que incluíam contas comerciais de outras 18 empresas de fachada em Hong Kong.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Bitcoin sobe mais de 3% após dado de inflação dos EUA cair em abril

Bitcoin sobe mais de 3% após dado de inflação dos EUA cair em abril

Bitcoin, Ethereum e outras criptomoedas sobem nesta quarta-feira após o relatório do CPI dos EUA mostrar que os preços subiram mais lentamente que o esperado
moeda de bitcoin sob nota de dinehiro da nigéria

Tensão entre Binance e Nigéria escala após CEO acusar governo de suborno de R$ 770 mi

Funcionário do governo nigeriano disse que alegações são infundadas e que disputa contra Binance deve ser resolvida na Justiça
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

Memecoin da rede Solana com tema GameStop sobe 1.900% e desperta febre do GME

A memecoin GME decolou na segunda-feira (13), entregando retornos consideráveis, superando os das ações da GameStop
máquinas de mineração de criptomoedas apreenidas em

Polícia apreende 396 mineradoras de Bitcoin em casa de ex-deputado paraguaio

Miguel Cuevas, que já foi preso por enriquecimento ilícito, agora pode também ser investigado por furto de energia