Imagem da matéria: Quem é Mr 100? a baleia misteriosa de Bitcoin que agora detém R$ 15 bilhões
Imagem criada por Decrypt usando IA

Um endereço de Bitcoin misterioso está acumulando BTC enquanto a corrida para uma nova máxima histórica continua. De acordo com dados da Bitinfocharts, a carteira da baleia agora detém mais de 54.164 BTC, avaliados em cerca de US$ 3,2 bilhões (R$ 15,8 bi).

Uma “baleia” é um investidor que acumula grandes quantidades de criptomoeda. Devido ao tamanho de sua reserva de Bitcoin, as movimentações de uma baleia chamam muita atenção entre os detetives blockchain, especialmente no Crypto Twitter.

Publicidade

Em abril, uma carteira dos primeiros dias do Bitcoin movimentou mais de US$ 11 milhões em BTC após estar inativa por 12 anos. Na mesma semana, outra carteira de Bitcoin movimentou US$ 8 milhões em BTC após dez anos de inatividade. Em novembro, outra baleia de Bitcoin causou alvoroço depois que analistas identificaram movimentações em uma carteira com US$ 450 milhões em Bitcoin.

Essa baleia, apelidada de “Mr. 100”, pode não ser um único investidor — pode pertencer a um fundo de investimento ou a um dos grandes bancos por trás de vários ETFs de Bitcoin à vista agora disponíveis.

“É definitivamente possível, mas eu diria que é improvável,” disse Chris Martin, Diretor de Pesquisa da Amberdata, ao Decrypt. “Todos os ETFs compartilharam publicamente seus endereços, então seria estranho para mim se eles não compartilhassem este.”

De acordo com a Amberdata, a carteira vem acumulando Bitcoin desde novembro de 2022, usando Binance e KuCoin.

Embora o governo dos EUA também tenha acumulado um imenso tesouro de Bitcoin — estimado agora em mais de US$ 12 bilhões — Martin não vê a Administração Biden por trás do endereço. Uma pista: os ativos digitais estão vindo da Binance e KuCoin.

Publicidade

“Pode ser seguro descartar uma entidade ou banco dos EUA,” disse Martin. “Eu não ficaria surpreso se fosse um fundo de algum tipo.”

Hong Kong, ele observou, está pensando em 31 pedidos de custódia de criptomoedas.

Martin também disse que não acredita que a carteira seja de alguém se preparando para o próximo halving do Bitcoin em abril.

“Eu diria que não — eles poderiam estar apenas apoiando a alta de preços em vez de acumular tokens para um evento específico,” disse ele.

“Acho interessante que eles geralmente tenham recebido a mesma quantidade em cada transação — cerca de 100 BTC — ao longo de sua existência,” Martin acrescentou. “Por que eles escolheram 100 BTC está além de mim… possivelmente uma limitação de sua fonte de financiamento.”

Publicidade

Enquanto a especulação em torno da identidade da baleia “Mr. 100” permanece, o sentimento no mercado de criptomoedas está alto, e as inúmeras entidades acumulando Bitcoin apontam para sinais de que o mercado de alta está realmente de volta e em andamento.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Tigran Gambaryan, chefe de compliance da Binance, posa para foto

Deputados pedem que EUA tratem diretor da Binance preso na Nigéria como refém

Numa resolução apresentada ao Congresso, os deputados French Hill e Rich McCormack apelaram à libertação de Tigran Gambaryan
Imagem da matéria: 228 sites de projetos DeFi estão sob risco de ataque DNS; entenda

228 sites de projetos DeFi estão sob risco de ataque DNS; entenda

Embora a extensão total do sequestro ainda não seja conhecida, centenas de sites de protocolo DeFi ainda estão em risco, disse a Blockaid
Imagem da matéria: Fundos de criptomoedas têm semana positiva apesar da pressão da Mt. Gox e Alemanha

Fundos de criptomoedas têm semana positiva apesar da pressão da Mt. Gox e Alemanha

Fundos de criptomoedas tiveram entradas líquidas de US$ 441 milhões após quatro semanas de saídas, com investidores vendo oportunidade na queda dos preços
Imagem da matéria: Divulgador da BitConnect é proibido de administrar empresas por 5 anos

Divulgador da BitConnect é proibido de administrar empresas por 5 anos

Bigatton foi condenado na sexta-feira (12) a três anos de reconhecimento de bom comportamento e desqualificado para administrar empresas por cinco anos