Imagem da matéria: Projeto DeFi oferece R$ 250 milhões para que hacker devolva dinheiro roubado em ataque
Foto: Shutterstock

A Mango DAO ofereceu um acordo ao ladrão que fugiu com US$ 100 milhões em criptomoedas de um hack na plataforma Mango Markets no início desta semana – uma maneira de evitar uma investigação criminal e pagar dívidas.

A Mango DAO, uma organização autônoma descentralizada (DAO) que gerencia a Mango Markets, ofereceu ao hacker uma recompensa de US$ 47 milhões (R$ 250 milhões), o que significa que o ladrão seria obrigado a devolver US$ 67 milhões em tokens sob os termos do acordo.

Publicidade

“Estamos tentando ressarcir os usuários na medida do possível”, diz a proposta da Mango DAO, abordando o hacker.

Na terça-feira, um invasor conseguiu roubar mais de US$ 100 milhões por meio de uma exploração na exchange Mango Markets, construída na Solana. O hacker aumentou temporariamente o valor de suas garantias e, em seguida, pegou empréstimos do tesouro da Mango.

Desde então, Mango DAO tem debatido no fórum da DAO sobre como proceder. Em uma reviravolta, o ladrão aparentemente propôs sua própria solução para devolver os fundos roubados através do fórum de governança, usando os mesmos tokens que roubaram para votar a favor da proposta.

Uma organização autônoma descentralizada é uma estrutura de grupo onde o controle é distribuído entre seus membros que possuem o token da DAO. Os membros usam esses tokens de governança para votar em propostas executadas usando contratos inteligentes.

As demandas do ladrão citam “dívidas incobráveis” que resultaram de um resgate executado pela Mango Markets e pela plataforma Solana Solend em junho. Na demanda, o ladrão pede à Mango que use os 70 milhões de USDC em seu tesouro para quitar essa dívida.

Publicidade

A contraproposta da DAO lista os bens e os valores roubados, pedindo ao ladrão que os devolva com base em um acordo com a DAO, incluindo 799.155 SOL, 761.577 SOL, 281.498 BTC, 2.354.260 SRM, 226 ETH, 11.774 FTT, 608 BNB, 152.843 GMT, 98.295 RAY, 1809 AVAX, 32.409.565 MNGO e 10.000.000 USDC.

A proposta exige que o ladrão envie a maior parte dos fundos para uma carteira de propriedade do Mango Upgrade Council.

“Dentro de 12 horas da proposta, você deve devolver os ativos que não sejam USDC, MSOL, MNGO e SOL como uma demonstração de boa fé”, diz a proposta. “Os ativos restantes devem ser enviados dentro de 12 horas após a votação ser concluída e aprovada.”

A DAO diz que os fundos congelados não são propostos ou oferecidos com a pesquisa de fundos congelados conforme acordado. Faltando 11 horas, a proposta tem 119.821.720 (96,3%) votos sim e 4.601.240 (3,7%) votos não.

Publicidade

O Mango DAO ainda afirma que os fundos do tesouro serão usados para cobrir qualquer dívida.

“Calculamos o patrimônio de cada conta no USDC e planejamos reembolsar o máximo que pudermos usando o tesouro DAO (sujeito a votação) e quaisquer tokens que pudermos recuperar”, twittou a Mango Markets na quinta-feira.

*Traduzido com autorização do Decrypt.

Quer investir em ativos digitais, mas não sabe por onde começar? O Mercado Bitcoin oferece a melhor e mais segura experiência de negociação para quem está dando os primeiros passos na economia digital. Conheça o MB!

VOCÊ PODE GOSTAR
Moeda prateada da Chainlink com reflexo em um fundo roxo

Chainlink sobe 18% ao lançar projeto piloto em Wall Street com JP Morgan, BNY Mellon e DTCC

A DTCC anunciou que acaba de concluir um projeto piloto de tokenização com gigantes de Wall Street, como JP Morgan e BNY Mellon, aproveitando o CCIP da Chainlink
Imagem da matéria: EUA acusam  2 chineses de lavarem US$ 73 milhões em esquema com criptomoedas

EUA acusam 2 chineses de lavarem US$ 73 milhões em esquema com criptomoedas

O Departamento de Justiça acusou Daren Li e Yicheng Zhang de orquestrar um esquema com criptomoedas de “abate de porcos”
Imagem da matéria: Coinbase sai do ar durante madrugada após interrupção do sistema

Coinbase sai do ar durante madrugada após interrupção do sistema

Embora a Coinbase tenha informado nesta manhã que o problema estava resolvido, sua página de status ainda indica que o app móvel e site estão com “desempenho prejudicado”
Ilustração de uma lâmpada flamejando B de bitcoin

MB lança Fist, primeiro token de Renda Variável Digital no setor de energia elétrica

O investimento, disponível pela primeira vez para pessoa física, possui validade de 30 anos, com dividendos que variam de 0,9% a 1,2% ao mês