Polícia Civil, golpe, pirâmide, criptomoedas, bitcoin, São Paulo, São José do Rio Preto
(Foto: Shutterstock)

A Polícia Civil de São Paulo está investigando uma empresa de investimentos de São José do Rio Preto, cidade no interior do estado, que deixou de pagar seus clientes e agora é acusada de golpe.

Chamada Elite Bank, a empresa prometia até 10% de rendimentos. A rentabilidade supostamente viria de negociações de trading no mercado de criptomoedas. Milene Pavorô, atriz do Programa do Ratinho, está entre as vítimas.

Publicidade

Segundo reportagem do jornal SBT Interior, o alvo principal das investigações é a empresária Tayhanne de Melo Gabriel, que seria a responsável por contratos que podem ter culminado em um prejuízo de milhões de reais.

“Ela captava clientes prometendo um lucro na faixa de 5% a 10% do investimento ao mês e com isso ela captou dezenas e dezenas de clientes. Prometia investimento em moeda digital, principalmente o bitcoin”, disse à reportagem o delegado do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC) Alcir Medeiros, que afirmou que o caso ainda passa por oitivas.

Segundo Medeiros, além de ouvir supostas vítimas e pessoas que trabalhavam na Elite Bank, as investigações apuram se o dinheiro foi realmente negociado no mercado ou se isso não ocorreu.

“Visionária”

No perfil de Tayhanne no Instagram, divulgado pelo SBT Interior, a suspeita, que possui quase 200 mil seguidores, se apresenta como “Trader, Investidora e Visionária”.

Publicidade

Imagens revelam o que o negócio usava o nome fantasia Elite Bank, mas de acordo com as investigações, a empresa nunca existiu e também não recebeu nenhum centavo dos investimentos. Os depósitos eram feitos na conta pessoal de Tayhanne, diz a reportagem.

Dentre as supostas vítimas da Elite Bank está Milene Regina Uehara, assistente de palco do Programa do Ratinho, mais conhecida como ‘Milene Pavorô’, que acabou indicando o negócio para amigos e familiares.

“Ela chegou a pagar alguns meses e infelizmente eu sei que hoje ela não vai pagar”, disse Milene que afirmou ter investido dinheiro de sua aposentadoria.

Outra vítima mostrada pela reportagem revelou ter investido R$ 550 mil na Elite Bank. Imagem do contrato em seu nome revelam que o acordo foi feito em junho do ano passado.

Publicidade

“Quando chegou pra devolver aí começou a enmrolar”, explicou a investidora que afirmou que Tayhanne lhe prometeu pagar o dinheiro investido em três parcelas de R$ 244 mil.

O advogado Luis Henrique Garcia, que representa clientes contra a Elite Bank, os investidores aportaram valor por conhecer pessoas que investiram que recebiam os rendimentos. “Elas  tinham esse ‘segurança’”, comentou.

Em áudios enviados aos clientes, Tayhanne disse que não conseguiu fazer os pagamentos porque teve sua conta bancária bloqueada, ocorrência que, segundo Garcia, não foi comprovado.

Outro lado

Ainda segundo a reportagem, a defesa de Tayhanne nega que ela tenha cometido crime e que colabora com as investigações. O caso segue em segredo de justiça.

VOCÊ PODE GOSTAR
Policial algemando suspeito durante a noite

Suspeito de roubar quase R$ 10 milhões da Pump.fun é preso em Londres

Jarett Dunn, ex-funcionário da plataforma Pump.fun, foi preso na Inglaterra acusado de golpe de quase R$ 10 milhões
Imagem da matéria: Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Um complexo emaranhado entre bancos centrais em relação ao iene levará a uma frenética impressão de dinheiro, elevando o preço do Bitcoin, diz o cofundador da BitMEX
Sam Bankman-Fried da FTX falando em vídeo

Criador da FTX vai mudar de presídio nos Estados Unidos

Transferência de presídio pode durar até um mês nos EUA, com o detento sendo levado para várias penitenciárias até chegar ao destino final
Imagem da matéria: Volume de negociação de 'Notcoin' ultrapassa US$ 1 bilhão no maior airdrop de jogos de 2024

Volume de negociação de ‘Notcoin’ ultrapassa US$ 1 bilhão no maior airdrop de jogos de 2024

Jogo Notcoin, baseado no Telegram, lançou mais de 80 bilhões de tokens para cerca de 35 milhões de jogadores em um airdrop