bitcoin
Foto: Shutterstock

O Bitcoin esteve em tendência de alta durante grande parte de sua existência, com seu preço subindo de praticamente zero a US$ 20.000 em menos de uma década. Mesmo sendo negociado pela atualmente pela metade de seu máximo histórico, a criptomoeda é uma das maiores moedas do mundo e, em sua curta vida útil, tornou-se um dos ativos mais lucrativos de todos os tempos.

Apesar desse crescimento, os detratores do Bitcoin há muito argumentam que é apenas uma questão de tempo antes que ele volte a zero; o ex-proponente do Bitcoin Cash, Calvin Ayre, declarou recentemente que o Bitcoin não tem valor, enquanto o magnata Warren Buffett frequentemente critica o Bitcoin, e recentemente disse à CNBC que toda criptomoeda (incluindo Bitcoin) não tem valor.

Publicidade

Mas o que seria realmente necessário para que o Bitcoin perdesse 100% de seu valor? Ao que parece, muito.

O Bitcoin poderia realmente perder todo seu valor?

Em 2018, dois economistas da Universidade de Yale (Yukun Liu e Aleh Tsyvinski) publicaram um relatório intitulado ‘Riscos e Retornos da Criptomoeda’, no qual os autores examinaram o risco de o Bitcoin chegar a zero no espaço de um dia. Usando os retornos históricos do Bitcoin para calcular a probabilidade disso acontecer, os autores descobriram que a probabilidade de um desastre não especificado levar o Bitcoin a zero variou de 0% a 1,3%, e estava em torno de 0,4% no momento da publicação. Para efeito de comparação, Tsyvinski afirmou que o euro (EUR) tem 0,009% de chance do mesmo, em entrevista à YaleNews.

Outros argumentam que o Bitcoin acabará caindo a zero porque carece de valor intrínseco. No entanto, embora não tenha nenhum valor intrínseco, o Bitcoin é apoiado pela confiança do consumidor e pela matemática. Isso é um pouco semelhante a moedas fiduciárias como o dólar americano (USD) e a libra esterlina (GBP), que já foram lastreadas em ouro (que tem valor intrínseco), mas agora são lastreadas pela fé no governo – embora alguns argumentem que o dólar americano pelo menos é realmente garantido por dívidas.

Cenários de casos marginais

Se o Bitcoin realmente caísse para zero, isso significaria que seria impossível negociar Bitcoin ou trocá-lo por bens e serviços, ou que a liquidez do lado da compra caiu para zero por algum motivo. Realisticamente, um dos únicos cenários plausíveis que podem causar isso é o Bitcoin sendo banido por todos os governos do mundo, potencialmente tornando-o ilegal de possuir ou usar – como é o caso em alguns países.

Isso também exigiria derrubar toda a rede Bitcoin, deixando todos os nodes offline – incluindo aqueles no espaço – e tornando impossível configurar novos. Isso, teoricamente e a menos que uma solução alternativa seja descoberta, tornaria impossível a transferência de Bitcoin e impediria o comércio clandestino, provavelmente tornando o Bitcoin inútil – mas isso seria quase impossível de realizar.

Publicidade

Outra possibilidade é que o Bitcoin possa ser simplesmente substituído por uma criptomoeda melhor ou um sistema de pagamento alternativo semelhante, tornando-o obsoleto (e, portanto, sem valor como método de pagamento ou reserva de valor). Esse cenário, no entanto, provavelmente levaria vários anos – talvez até décadas – para se concretizar.

Seja qual for o caso, é provável que o Bitcoin sempre retenha algum valor, seja como um item de colecionador ou como um artefato histórico para as gerações futuras.

Um fenômeno semelhante foi observado há relativamente pouco tempo, quando o Banco Central da Índia (RBI) desmonetizou notas de Rs 500 e 1.000 em novembro de 2016 devido a um grande aumento nas notas falsas. Embora as notas autênticas de 500 e 1.000 Rs não possam mais ser usadas como moeda legal na Índia, ainda mantêm algum valor como obras de arte ou como curiosidade.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

“Parte técnica você descreve como funciona e acabou. Nas vacas sagradas leva um bom tanto de desconstrução de conceitos”, diz Breno Brito
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%