Imagem da matéria: O marketplace OpenBazaar vai voltar e a comunidade do Bitcoin está comemorando
Shutterstock

Após uma pausa de dois anos, o OpenBazaar, um marketplace descentralizado onde era possível comprar e vender produtos usando Bitcoin, está voltando à vida, de acordo com alguns tweets vagos de sua conta oficial.

O mercado digital — onde os usuários vendiam produtos desde velas caseiras a remédios — fechou no final de 2020 devido à falta de financiamento. Após anunciar inicialmente seu fim, o mercado foi temporariamente resgatado por um doador anônimo — mas, no final das contas, não foi o suficiente para manter o OpenBazaar aberto para negócios.

Publicidade

No entanto, o CEO da OpenBazaar, Brian Hoffman, confirmou esta semana em uma mensagem ao Decrypt que está reconstruindo o mercado, embora tenha se recusado a adicionar mais detalhes. O site do OpenBazaar foi atualizado para anunciar: “openbazaar 3.0 — chegando em breve”.

O OpenBazaar foi por algum tempo o grande marketplace digital que aceitava o Bitcoin como dinheiro.

Era conhecida por sua abordagem única para compras online, fornecendo um mercado descentralizado onde os usuários podiam comprar e vender mercadorias sem a necessidade de uma autoridade central, como, digamos, Amazon. A ideia era dar aos usuários mais liberdade sobre os produtos que vendiam.

O plano funcionou por um tempo, antes dos problemas de financiamento do OpenBazaar. Comerciantes abriram centenas de lojas, aceitando criptomoedas por seus produtos.

De acordo com a conta no GitHub de Hoffman (um site onde os desenvolvedores publicam seu código para outros usarem), ele tem trabalhado em uma nova implementação do OpenBazaar na linguagem de programação Rust, que está na moda ultimamente no meio cripto.

Publicidade

No Twitter, alguns usuários já estão animados com a volta do OpenBazaar.

Em uma entrevista com o CoinDesk em 2018, o co-fundador do OpenBazaar, Washington Sanchez, descreveu o objetivo da empresa: “O OpenBazaar deve ser um protocolo livre e aberto para o comércio usando criptomoeda, uma maneira de moedas e tokens obterem utilidade econômica significativa para adquirir bens e serviço, e um ponto de entrada para as pessoas ganharem e embarcarem [em cripto].”

Após o fechamento do OpenBazaar em 2020, seus fundadores sugeriram que seriam necessárias mudanças estruturais para colocar ainda mais o controle do mercado nas mãos de sua comunidade e longe da empresa que o criou inicialmente.

*Traduzido por Vini Barbosa com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
hackers em frente a computadores

Exchange de criptomoedas Rain perde US$ 14,8 milhões em ataque hacker

A exchange disse que já tomou as medidas necessárias e que todas as sua atividades estão funcionando normalmente, inclusive saques
Imagem da matéria: CEO da Grayscale deixa cargo: "Momento certo para transição"

CEO da Grayscale deixa cargo: “Momento certo para transição”

A Grayscale, uma das maiores gestoras de criptomoedas do mundo, anunciou que Michael Sonnenshein está deixando o cargo de CEO
Moeda de Bitcoi sob mapa da América comd estaque para Venezuela

Venezuela quer desativar todas as fazendas de mineração de criptomoedas do país

O governador do estado de Carabobo afirmou que o governo está prestes a publicar um decreto que irá proibir a mineração de criptomoedas
Imagem da matéria: Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

A CVM multou a pirâmide financeira Atlas Quantum após identificar indícios “robustos e consistentes” de que tudo não passava de uma operação fraudulenta