Nubank fecha parceria com Facebook e clientes poderão enviar e receber dinheiro por WhatsApp

Brasil será o primeiro país no mundo a receber atualização do WhatsApp que vai permitir que usuários enviem e recebam dinheiro, usando cartões cadastrados

Nubank inclui halving do bitcoin em seu dicionário financeiro
Foto: Shutterstock


O Nubank anunciou em seu blog nesta segunda-feira (15) que será a primeira instituição financeira 100% digital do Brasil a liberar para os clientes a função de pagamentos via WhatsApp anunciada pelo Facebook.

Além do Nubank, a nova função do WhatsApp estará habilitada inicialmente para clientes do Banco do Brasil e Sicredi — nas bandeiras Visa e Master. Ela chega no Brasil nas próximas semanas por meio de uma parceria entre o Facebook, dono do WhatsApp, e a Cielo, que vai intermediar as transações.

Para tal transação, o banco digital adianta que será preciso adicionar o cartão Nubank na função débito no Facebook Pay, no aplicativo do WhatsApp, e ter saldo disponível na conta.

O processo é simples e está descrito abaixo, conforme informa o Nubank: 

  • Nas configurações do seu WhatsApp, vá na opção “Pagamentos”;
  • Depois, acessar “Facebook Pay” para ler os termos e condições e criar um PIN do Facebook Pay de seis dígitos;
  • Inserir nome completo, CPF e dados do cartão Nubank com a função débito – número, data de vencimento e CVV;
  • Para verificar o cartão, o cliente vai receber, no app do Nubank, um código de seis dígitos para inserir no aplicativo do WhatsApp;
  • Realizar a verificação para concluir o cadastro

O fundador e CEO do Nubank, David Vélez, afirmou por meio de comunicado à imprensa que a nova parceria vai na linha da filosofia da fintech que descomplicar a relação das pessoas com o dinheiro.

“Agora, nossos clientes poderão fazer pagamentos no WhatsApp com a mesma facilidade com que conversam com os amigos no dia-a-dia, sem a cobrança de taxas. Estamos preparados para oferecer a experiência Nubank em sua melhor forma nessa parceria”.

Transações via WhatsApp

De acordo com o WhatsApp, o Brasil será o primeiro país a receber uma atualização do aplicativo que vai permitir que usuários enviem e recebam dinheiro, usando cartões cadastrados.



Por meio do novo serviço será possível também o recebimento de pagamentos por produtos e serviços por meio do WhatsApp Business, uma versão corporativa do app de mensagens.

Como vai funcionar o sistema (Fonte: Facebook)

Os pagamentos vão acontecem dentro de uma função chamada Facebook Pay. Em comunicado à imprensa, o WhatsApp afirma que o recurso tem esse nome para que, no futuro, os mesmos dados de cartão possam ser utilizados em toda a família de aplicativos da empresa.

Tal comunicado sinaliza que o Facebook — dono também do Instagram, outra rede social popular no Brasil — planeja expandir essa função de de pagamento para outros apps.

As transações devem ser feitas em reais e são limitadas em R$ 5.000 por mês. Há um limite ainda de R$ 1.000 por transação — podem ser feitas até 20 transações em um dia. Uma função que deve ser de grande valia para pequenos negócios, especialmente em tempos de pandemia.

A função será gratuita para clientes pessoa física. Para as contas comerciais, usando o WhatsApp Business, será necessário preciso ter uma conta Cielo para solicitar e receber pagamentos ilimitados — tanto de crédito quanto de débito, oferecer reembolsos e ter suporte técnico. Esses comerciantes pagarão uma taxa fixa de 3,99% por transação.

Visa e Mastercard

Para as instituições envolvidas, a nova função representa uma ajuda para pequenos empresários e também um exemplo das possibilidades de inovação no mercado de pagamentos

“Pequenas empresas são fundamentais para o país. A capacidade de realizar vendas com facilidade no WhatsApp ajudará os empresários a se adaptarem à economia digital, além de apoiar o crescimento e a recuperação financeira”, disse Matt Idema, diretor de operações do WhatsApp, por meio de nota à imprensa.

“Os pequenos e médios empresários também contam com mais uma opção para aceitar pagamentos, utilizando os recursos de mensagens de uma plataforma que já é familiar a eles”, acrescenta Fernando Teles, country manager da Visa do Brasil, também por meio de comunicado à imprensa.

O otimismo é compartilhado também por João Pedro Paro Neto, presidente da Mastercard Brasil e Cone Sul. “Essa parceria com o Facebook, mostra nossa capacidade de revolucionar as opções de envio e recebimento de dinheiro no Brasil, mantendo as necessidades de nossos clientes na vanguarda de nossa estratégia e apoiando pequenas empresas locais”, completa o executivo, em nota.


BitcoinTrade: Negocie criptomoedas com segurança e agilidade!

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. 95% dos depósitos aprovados em menos de 1 hora! Acesse: bitcointrade.com.br