Imagem da matéria: Novembro registra o menor volume de 2022 nas negociações de criptomoedas no Brasil
Shutterstock

Novembro foi o mês com o menor volume de transações de criptomoedas declaradas para a Receita Federal do Brasil em 2022. Ao todo, o volume mensal ficou em R$ 11,3 bilhões; antes disso, o pior resultado do ano havia sido em março com R$ 11,7 bilhões.

As informações foram divulgadas nesta terça-feira (3) pela Receita. Os dados relativos a dezembro ainda não foram anunciados.

Publicidade

A maior parte das declarações são feitas por corretoras com sede nacional, que reportaram R$ 8,8 bilhões em novembro de 2022.

O outro método de negociação mais prevalente é a transação feita por pessoa jurídica sem uso de exchanges (nesses casos, pelo sistema peer to peer, ou p2p): foram declarados R$ 1,8 bilhões por esse método. Nesse mesmo modelo, o volume gerado por pessoas físicas é pequeno, sendo de apenas R$ 64 milhões.

O uso de exchange com sede no exterior é uma mais reduzido nas declarações da Receita. Desse campo vieram R$ 58 milhões declarados por pessoas físicas e R$ 544 milhões por pessoas jurídicas.

O mês com o maior volume de transações com criptomoedas declarados para a Receita Federal foi maio de 2021: na ocasião, o órgão público registrou uma movimentação de R$ 25 bilhões no total.

Cataclisma da FTX em novembro

Vale ressaltar que novembro foi o mês no qual colapsou a FTX, então segunda maior corretora do mundo. O criador da empresa, Sam Bankman-Fried, foi extraditado das Bahamas para os Estados Unidos e agora aguarda julgamento em liberdade após pagar fiança.

Publicidade

O impacto para os números da Receita pode ter acontecido de duas formas: clientes brasileiros que reportavam e agora não tem mais acesso às criptomoedas ou então o receito geral do mercado de negociar após o derretimento, afetando mesmo quem é cliente de outras corretoras.

Número de CNPJs bate recorde

Porém, um dado teve aumento: o número de CNPJs únicos que fizeram declarações foi de 45.486, o maior nível desde que os dados começaram a ser coletados em outubro de 2020.

Já o número de CPFs únicos teve pequena queda: em novembro foram 1,1 milhão e em outubro haviam sido 1,2 milhão (o pico foi em setembro com 1.495.533).

Divisão por gênero

A distribuição por gênero ainda é muito desigual, já que muito mais homens declaram transações com criptoativos.

Novembro só ficou atrás de outubro de 2022 como ponto de maior igualdade nesse quesito: o número de operações foi de 21,83% de mulheres e 78,17% de homens e o valor das operações foi de 15,1% de mulheres e 84,9% de homens.

Publicidade

Apesar de ainda grande, a desigualdade já foi maior. Em setembro de 2019 apenas 9,8% das operações foram declaradas por mulheres. Em janeiro de 2020, somente 7,8% do total de valor das operações foram informados por mulheres.

Tipos de declaração sobre criptoativos para Receita

Existem três tipos de declarações de criptoativos feitas por contribuintes no Brasil. A principal é o conjunto de informações entregues pelas corretoras com sede no Brasil. Nesse caso todo os valores são informados, independente do tamanho.

Os outros dois pontos são informações entregues por pessoas jurídicas e físicas que utilizam de exchanges sem sede no Brasil e informações de compras e vendas feitas diretamente entre pessoas (p2p), sem intermediários. Já nessas situações, a informação deve ser prestada sempre que o valor mensal ultrapassar R$ 30 mil.

Como será o mercado de criptomoedas em 2023? Clique aqui e descubra no relatório gratuito do time de Research do MB

*Texto atualizado às 9h42 do dia 4 de janeiro de 2023 para correção: a versão inicial continha o subtítulo “Número de CPFs bate recorde” e o correto é “Número de CNPJs bate recorde”

Talvez você queira ler
bitcoin core

Fundos de criptomoedas registram as maiores entradas de capital desde o rali do Bitcoin em 2021

Fundos de investimento em criptomoedas receberam as maiores injeções de dinheiro em 10 semanas desde o último rali de outubro de 2021
Simulação de holografias saindo de um livro físico com tema criptomoedas blockchain metaverso

FGV revela vencedores do Datathon de Moedas Digitais; conheça os projetos

Evento teve um recorde de 18 equipes inscritas, oriundas de departamentos como engenharia, economia, estatística e ciência da computação
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) pisa no freio, mas segura os US$ 41 mil; BlackRock ajusta pedido de ETF

Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) pisa no freio, mas segura os US$ 41 mil; BlackRock ajusta pedido de ETF

As mudanças nos pedidos da BlackRock e Bitwise sinalizam que as gestoras estão se esforçando para resolver os impasses para o lançamento de um ETF de Bitcoin
Imagem da matéria: Presidente de El Salvador afirma que alta do Bitcoin fez sua estratégia ficar lucrativa

Presidente de El Salvador afirma que alta do Bitcoin fez sua estratégia ficar lucrativa

Nayib Bukele anunciou que, com o preço de mercado atual do Bitcoin, El Salvador teria um lucro de cerca de US$ 3,6 milhões se vendesse