Imagem da matéria: Murano Investimentos é a nova associada da ABCripto
Shutterstock

A Associação Brasileira de Criptoeconomia (ABCripto) anunciou nesta terça-feira (21) a chegada do Grupo Murano como novo membro da associação. Murano é um market maker com atuação global, com forte presença na América Latina, que estimula o mercado como um agente de liquidez focado em contribuir para a eficiência das operações com criptoativos.

Bernardo Srur, diretor-presidente da ABCripto, celebra a adesão do Grupo Murano. “A ABCripto tem muito a ganhar com a chegada do Grupo Murano, o novo parceiro trará toda a sua inovação e soluções, que nos permitirá trocar experiências e contribuir ativamente para o desenvolvimento da criptoeconomia no Brasil”, afirma.

Publicidade

Christiano Pereira, fundador e CEO do Grupo Murano, vislumbra a entrada na ABCripto como um passo importante para reforçar a atividade de forma autorregulamentada, com o objetivo de proteger o mercado e os investidores, bem como avançar em governança com a adesão às melhores práticas.

“Acreditamos que a Associação pode ajudar muito na intenção que temos de fortalecer a atuação de formadores de mercado. Já operamos com muitos dos associados e com a ABCripto teremos muito mais força para o que precisa ser implementado para o mercado cripto brasileiro”, destaca o CEO.

VOCÊ PODE GOSTAR
Um pessoa acompanha um gráfico de alta com o dedo indicador gŕadico de alta

Analistas indicam 3 criptomoedas que podem disparar em meio a queda do Bitcoin

Analistas da Fairlead Strategies produziram um gráfico de rotação relativa (RRG) das principais altcoins em relação ao BTC
Imagem da matéria: ETFs de Bitcoin nos EUA têm entrada de US$ 488 milhões e igualam a mais longa série positiva desde o lançamento

ETFs de Bitcoin nos EUA têm entrada de US$ 488 milhões e igualam a mais longa série positiva desde o lançamento

ETFs de Bitcoin chegaram ao 17º dia seguido de fluxo de entrada com todos os 11 fundos apresentando números positivos ou neutros na quarta-feira
Smartphone com logotipo Kraken na mão com site desfocado como plano de fundo

Kraken revela ter perdido R$ 16 milhões em “bug crítico”

A corretora de criptomoedas afirma ter sido extorquida pelos pesquisadores de segurança que descobriram a falha
Imagem de Glaidson Acácio dos Santos, mais conhecido como Faraó do Bitcoin

Gilmar Mendes mantém prisão de Glaidson Acácio dos Santos, criador da GAS Consultoria

A defesa do ‘Faraó do Bitcoin’ alegou problemas psiquiátricos e uso de medicamento controlado, além de questionar a jurisdição acerca da competência para os processos