Imagem da matéria: Morte da rainha Elizabeth II gera inundação de shitcoins; Projeto NFT criado por brasileiros presta homenagem à soberana
Foto: Shutterstock

A morte da rainha Elizabeth II causou comoção ao redor do mundo, mas como era de se esperar, o evento marcante não passou despercebido pelos divulgadores de shitcoins, as criptomoedas que só existem para tentar dar um lucro rápido a seus criadores.

Quando foi anunciado o falecimento da rainha do Reino Unido na tarde de quinta-feira (9), dezenas de tokens que levaram seu nome começaram a surgir no mercado, como “Queen Elizabeth Inu”, “Queen Doge”, “God Save The Queen”, “London Bridge Is Down”, “Rip Queen Elizabeth”, “Elizabeth II”, “Queen Inu II”, e assim por diante.

Publicidade

Ao postar um print que mostra pelo menos 18 tokens com o ticker “Elizabeth” criados na quinta-feira, o usuário do Twitter @LilMoonLambo debochou: “Nós merecemos outro bear market”.

Pump and dump

A criação de tokens desse estilo muitas vezes se resumem a esquemas de pump and dump, estratégia na qual criadores de um projeto divulgam informações — muitas vezes falsas — para convencer pessoas a comprar um ativo e fazer seu preço aumentar, para logo em seguida despejá-los no mercado e realizar o lucro, à custa de outros investidores.

Apesar do golpe ser claro nessa altura, as pessoas ainda estão dispostas a colocar dinheiro em projetos suspeitos.

DEX Screener, um perfil do Twitter que rastreia negociações em exchanges descentralizadas (DEX), destacou duas shitcoins inspiradas na Rainha Elizabeth II que registraram alto volume de negociações.

Na PancakeSwap, por exemplo, o token QUEEN subiu 74% na tarde passada e registrou um volume de US$ 170 mil no dia. Já o par ELIZABETH/BUSD movimentou US$ 690 mil em volume nas últimas 24 horas, com o token valorizando 25% em apenas uma hora.

Publicidade

Coleção NFT da rainha


Com o falecimento da rainha Elizabeth II, um projeto de tokens não fungíveis (NFT) chamado QueenE DAO decidiu realizar o leilão final da coleção na quinta-feira, após o falecimento da monarca.

O projeto lançado no Ethereum produziu dezenas de peças de arte em homenagem à rainha Elizabeth II nos últimos dois meses. O QueenE foi criado pelo brasileiro Fabio Seva (@fabioseva), junto com @Mladendra@Vinicius_Rod@ToNMaTsumoto, a partir de um fork do projeto NFT Nouns.

A coleção foi projetada para lançar novas peças todos os dias pelo resto da vida da rainha.Após a monarca falecer na quinta-feira, o projeto anunciou que o leilão daquele dia para o 73º NFT da coleção, seria o último lançado como parte da coleção original.

“Descanse no Ethereum, para sempre”, diz a biografia do projeto no Twitter.

Maior Exchange da América Latina, no MB você negocia tokens, DeFi, renda fixa digital, NFTs e, claro, criptomoedas. E tudo no painel de negociação mais seguro do mercado. Abra sua conta gratuita!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Vitalik Buterin critica prisão de dev do Tornado Cash: "Realmente lamentável"

Vitalik Buterin critica prisão de dev do Tornado Cash: “Realmente lamentável”

O fundador do Ethereum nem se importou em comentar sobre os ETFs, mas refletiu sobre a recente condenação de um desenvolvedor do Tornado Cash
Smartphone mostra logotipo da Receita Federal; ao fundo, um leão

Prazo para entrega do Imposto de Renda termina nesta sexta; veja como declarar criptomoedas

Com mudanças neste ano na declaração de criptomoedas, o contribuinte precisa ficar atento para não perder o prazo do Imposto de Renda, que vai até o dia 31
Moeda de Ethereum na frente de gráfico

Ethereum pode surpreender positivamente nos próximos meses, diz Coinbase

Subindo menos que outras criptomoedas em 2024, o Ethereum pode se recuperar e superar seus pares nos próximos meses, avalia a Coinbase
Imagem da matéria: FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

Aprovado na Câmara esta semana, o projeto FIT21 visa regular o setor de criptomoedas dando segurança para consumidores e estimulando empreendedores