Imagem da matéria: Mineradores devolvem R$ 2,5 milhões para Paxos após empresa errar em transação de Bitcoin
(Foto: Shutterstock)

O pool de mineração F2Pool devolveu os 19,8 bitcoins que a Paxos pagou errado como taxa em uma transação no início desta semana. O valor equivale a cerca de US$ 520 mil, ou R$ 2,5 milhões.

“Após realizar a verificação de identidade, confirmamos a propriedade desses BTC e reembolsamos totalmente a taxa ao remetente”, disse a F2Pool no X, antigo Twitter.

Publicidade
https://twitter.com/f2pool_official/status/1702600488963940669

No início desta semana, a comunidade cripto ficou surpresa ao ver uma operação para movimentar US$ 2 mil em bitcoin acabar pagando US$ 520 mil apenas em taxas, em um mistério que foi solucionado na última quarta, quando o provedor de infraestrutura para criptomoedas Paxos assumiu a responsabilidade.

Segundo a empresa, ela “pagou a mais a taxa de rede do Bitcoin em 10 de setembro de 2023”, devido a um bug que afetou uma única transferência – e que já teria sido corrigido.

“Isso impactou apenas as operações corporativas da Paxos”, esclareceu um porta-voz da Paxos. “Os clientes e usuários finais da Paxos não foram afetados e todos os fundos dos clientes estão seguros”.

Desde então, muito se discutiu se o pool de mineração que recebeu essa taxa iria devolver o valor – ou parte dele -, com um sinal inicial de que isso não iria acontecer.

Publicidade

Uma taxa de bitcoin é o que os mineradores recebem após a confirmação de uma transação na blockchain da criptomoeda. Em geral, quem paga taxas maiores tem preferência na operação na rede, mas mesmo assim, os valores não costumam passar de US$ 20.

No X, o cofundador da Casa Hodl e desenvolvedor de Bitcoin, Jameson Lopp, elogiou a comunidade como sendo uma “rede cooperativa” depois que a taxa foi devolvida.

“Os mineradores também são humanos e percebem que as pessoas cometem erros. Embora a retenção de taxas de transação proporcione um bom lucro a curto prazo, devolver esses fundos é uma decisão humana”, completou.

VOCÊ PODE GOSTAR
Joe Biden posa para foto

Biden expulsa mineradora cripto chinesa de área próxima a base militar: “Risco de espionagem”

O governo afirma que a MineOne possui equipamentos especializados de origem estrangeira potencialmente capazes de facilitar atividades de vigilância e espionagem
Hacker com capuz sorri no escuro

“Fizemos besteira”: Gala Games confirma hack de de R$ 1,2 bilhão

Um invasor usou um exploit para cunhar e roubar 5 bilhões de tokens da Gala Games (GALA)
busto de homem engravatado simulando gesto de pare

CVM proíbe corretora de criptomoedas e forex de captar clientes no Brasil

O órgão determinou, sob multa diária de R$ 1 mil, a imediata suspensão de qualquer oferta pública de valores mobiliários pela Xpoken
Imagem da matéria: Pump.fun: site que permite criar memecoin por apenas R$ 15 bate recorde de atividade

Pump.fun: site que permite criar memecoin por apenas R$ 15 bate recorde de atividade

Entre os 14.500 tokens lançados na Solana por meio do pump.fun, milhares eram baseados na GameStop