Imagem da matéria: Mineração clandestina de Bitcoin é encontrada em prédio da Suprema Corte da Polônia
Foto: Shutterstock

O Ministério Público da Polônia revelou ter descoberto uma operação ilegal de mineração de Bitcoin no prédio administrativo da Suprema Corte do país. As informações são do portal de notícias local TVN24, que aponta que as autoridades descobriram o maquinário entre agosto e setembro deste ano. 

Os equipamentos para mineração de Bitcoin estavam instalados em um duto de ventilação do prédio. A Suprema Corte já anunciou ter demitido dois funcionários que eram responsáveis pela área onde ocorria a atividade ilícita e que foi rompido o contrato com a empresa que tocava as operações de manutenção do edifício. 

Publicidade

A imprensa local não aponta valores exatos, mas estima que o prejuízo aos cofres públicos chegue a casa de milhares de dólares com gastos de energia elétrica por mês. 

O juiz Sylwester Marciniak, presidente do Departamento de Informação Judicial da Suprema Corte, ressaltou que não há perigo de a operação de mineração de Bitcoin ter colocado em risco os dados guardados nos servidores da corte. 

Uma porta-voz do Ministério Público afirma que especialistas em consumo de energia elétrica já foram acionados para determinar a quantidade de eletricidade desviada da Suprema Corte para que a operação de mineração de Bitcoin fosse feita.

VOCÊ PODE GOSTAR
Logotipo do token CorgiAI

Mercado Bitcoin lista token CorgiAI

O ativo é ligado a projeto que usa utiliza inteligência artificial para criar uma comunidade de entusiastas no ecossistema cripto
Imagem da matéria: Conheça o dispositivo que pode guardar Bitcoin, jogar e ganhar airdrops enquanto você dorme

Conheça o dispositivo que pode guardar Bitcoin, jogar e ganhar airdrops enquanto você dorme

O BitBoy One, semelhante ao Game Boy, é um dispositivo portátil para permite jogar e armazenar Bitcoin
Imagem da matéria: Importação de criptomoedas no Brasil dobra e chega a R$ 14 bilhões no 1º bimestre

Importação de criptomoedas no Brasil dobra e chega a R$ 14 bilhões no 1º bimestre

Dados do Banco Central mostram que a importação de criptoativos saltou de US$ 1,4 bilhão no primeiro bimestre de 2023, para US$ 2,9 bilhões no início deste ano
Imagem da matéria: Dogwifhat cai 15% e lidera perdas de memecoins em meio à lentidão da Solana

Dogwifhat cai 15% e lidera perdas de memecoins em meio à lentidão da Solana

As memecoins da Solana caíram da noite para o dia, enquanto os devs correm para consertar os problemas de congestionamento da rede