Imagem da matéria: Mercado tem forte reação nesta manhã; Bitcoin dispara 30%, Ethereum 45% e Cardano 60%
Foto: Shutterstock

Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH) e as principais criptomoedas estavam estáveis ou no vermelho na manhã desta quinta-feira (20), mas por volta das 10h o cenário tomou outro rumo.

O BTC, que ontem caiu abaixo dos US$ 40 mil pela primeira vez desde fevereiro, disparou 30% e passou dos US$ 42 mil, segundo o CoinMarketCap. Em reais, o BTC bateu os R$ 230 mil.

Publicidade

O ETH, que operava em forte baixa no início desta manhã, teve valorização de 45% e está quase encostando nos US$ 3 mil de novo. Em reais, o Ether está acima dos R$ 15.800.

A Cardano (ADA) teve uma disparada meteórica de quase 60% e viu seu preço chegar a US$ 1,89, apenas alguns centavos de dólar longe de sua máxima histórica.

O Binance Coin (BNB) é cotado a US$ 405, após alta de 33%, e o XRP, da Ripple, é negociado a US$ 1,25 após valorização de 26%.

A Dogecoin (Doge) teve alta de 50% e está na casa dos US$ 0,42. O ativo digital baseado em meme, no entanto, teve uma ajuda do CEO da Tesla, Elon Musk.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Escritório de advocacia Mattos Filho ingressa na ABcripto

Escritório de advocacia Mattos Filho ingressa na ABcripto

“Um dos principais desafios é a criação de um arcabouço regulatório que estabeleça segurança jurídica para a indústria”, afirma escritório
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

Memecoins da GameStop e Iggy Azalea encerram semana com perdas de até 50%

MOTHER – uma memecoin lançada pela rapper Iggy Azalea – despencou 38% nos últimos 7 dias
moeda cardano ADA com graficos ao fundo

Charles Hoskinson diz que hard fork ‘Chang’ será marco na história da Cardano

Agendado para este mês de junho, a atualização Chang levará a Cardano para a versão 9.0
Imagem da matéria: Hashdex entra com pedido para lançar ETF de Bitcoin e Ethereum nos Estados Unidos

Hashdex entra com pedido para lançar ETF de Bitcoin e Ethereum nos Estados Unidos

A gestora de fundos apontou no formulário de aplicação que terá como parceiros custodiantes dos ativos a Coinbase, LLC e a BitGo