Imagem da matéria: Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido
Criador da Atlas Quantum Rodrigo Marques falando em vídeo no Youtube (Imagem: Reprodução)

O mercado de criptomoedas chega a mais um dia positivo nesta quarta-feira (22) enquanto investidores aguardam animados que os reguladores dos Estados Unidos aprovem os ETFs de Ethereum à vista já amanhã, quando devem dar uma resposta ao produto da gestora VanEck. 

Ethereum (ETH), que acumula ganhos de 27% na semana, sobe mais 1,5% nesta manhã para ser negociado a US$ 3.734. Enquanto isso, o Bitcoin (BTC) luta para manter sua cotação acima do nível de US$ 70 mil, mas um recuo 1,6% no dia faz seu preço cair para os atuais US$ 69.865. Em reais, o BTC enfrenta uma leva queda de 0,4% no dia, cotado a R$ 357.295, de acordo com o Índice de Preço do Bitcoin (IPB).   

Publicidade

No mercado brasileiro, a pirâmide financeira Atlas Quantum, responsável por lesar milhares de investidores de criptomoedas em 2019, teve seu julgamento concluído na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) na terça-feira (21). A autarquia aplicou uma multa de mais de R$ 55,8 milhões na empresa e seu criador — hoje foragido — Rodrigo Marques dos Santos.

“A SRE concluiu que os documentos e informações coletados durante a fase investigativa apresentavam indícios robustos e consistentes para atestar que os Acusados teriam induzido os investidores a erro, mediante emprego de ardil, ao divulgar valores falsos de rentabilidade para atrair mais investimentos, na manipulação de vídeos, assim como na divulgação de comunicados enganosos e bloqueio indevido de saques, o que caracterizaria a ocorrência de operação fraudulenta”, diz um trecho do voto do Diretor Relator Daniel Maeda.

Ele acrescenta que os acusados não responderam aos pedidos de informação solicitados pela CVM durante a fase de investigação, causando “embaraço à fiscalização da autarquia”. No final do processo, o relator disse que o resultado do julgamento será comunicado ao Ministério Público para as providências cabíveis.

A audiência de terça-feira não contou com a presença da defesa dos acusados. O Colegiado da CVM acompanhou o voto do relator nas seguintes acusações:

Publicidade
  • Condenação da Atlas Quantum. e Atlas Project International Ltd.:

a) à multa de R$ 22.100.000,00, cada um, por operação fraudulenta no mercado de valores mobiliários.

b) à multa de R$ 170.000,00, cada um, por embaraço à fiscalização.

  • Condenação de Rodrigo Marques dos Santos:

a) à multa de R$ 11.050.000,00, por operação fraudulenta no mercado de valores mobiliários.

b) à multa de R$ 85.000,00, por embaraço à fiscalização.

  • Condenação de Anubistrade Investments Ltd.: à multa de R$ 170.000,00, por embaraço à fiscalização.

Por fim, a Anubistrade Investments Ltd. acabou absolvida da acusação de operação fraudulenta no mercado de valores mobiliários.

Outras notícias desta quarta-feira

Donald Trump anunciou na terça-feira que agora aceita criptomoedas em doações para sua candidatura de reeleição a presidência dos Estados Unidos. O recurso de doações cripto estará disponível no seu site oficial com suporte da exchange Coinbase. “Esta adição à já inovadora campanha de arrecadação de fundos digital do presidente Trump marca a primeira vez que um candidato presidencial de um grande partido abraçou a criptomoeda para doações”, diz o comunicado.

O IBIT, ETF de Bitcoin à vista da BlackRock, registrou ontem a maior entrada de capital desde abril, à medida que o BTC rompia a barreira dos US$ 70 mil. O produto registrou mais de US$ 290 milhões em entradas na terça-feira, segundo dados da Farside Investors. Isso representa a maior captação do fundo desde 5 de abril e eleva para US$ 19 bilhões os bitcoins sob gestão da BlackRock.

O governo de Hong Kong ordenou que a Fundação Worldcoin interrompa todas as operações na região, após considerar que o projeto viola os regulamentos locais de privacidade. Em comunicado divulgado nesta quarta, o regulador revelou que fez 10 visitas secretas em seis locais de operação da Worldcoin e identificou a coletou dados faciais e de íris  “desnecessária e excessiva” de pelo menos 8.302 indivíduos do país. Em março, a Worldcoin já havia anunciado o fim da coleta de dados pessoais dos usuários.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Redes de segunda camada Ethereum estão arrecadando milhões – com a Base na liderança

Redes de segunda camada Ethereum estão arrecadando milhões – com a Base na liderança

A Base, da Coinbase, acumulou mais de US$ 6 milhões em lucros on-chain em maio no ecossistema de segunda camada Ethereum, com a Blast bem atrás em segundo
Policial algemando suspeito durante a noite

Médico perde R$ 500 mil em criptomoedas após encontro por aplicativo e sequestro; suspeitos são presos

Os sequestradores que aplicaram o famoso ‘golpe do amor’ foram presos rapidamente pela PM de SP; Polícia Civil investiga o paradeiro dos ativos
notcoin jogo cripto telegram

Notcoin salta 10% após número de carteiras ativas diárias igualar com o Ethereum

Os jogos baseados em Telegram estão causando a explosão da The Open Network, com Notcoin liderando todo o mercado de criptomoedas nas últimas 24 horas
Jerome Powell, presidente do Fed, mostrado em tela de computador

Bitcoin cai para a casa dos US$ 67 mil após Fed manter taxa de juros

Jerome Powell afirmou que a busca do banco central dos EUA pela meta de 2% de inflação ainda não acabou