Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin se estabiliza acima de US$ 67 mil; Ethereum atinge US$ 3 mil em semana decisiva para ETFs
Foto: Shutterstock

O Bitcoin (BTC) começa a semana estável e mantém os ganhos obtidos nos últimos dias para ser negociado agora acima da marca de US$ 67 mil. Nas últimas 24 horas, a criptomoeda apresenta uma variação de preço de apenas -0,2%, trocando de mãos a US$ 67.114 nesta segunda-feira (20), segundo dados do CoinGecko.

Em reais, o Bitcoin recua 0,1% no dia, cotado a R$ 343.827, de acordo com o Índice de Preço do Bitcoin (IPB).   

Publicidade

Neste ritmo, analistas já vislumbram a faixa de preço de US$ 70 mil como meta para o BTC. “O Bitcoin quebrou a tendência de baixa local, recuperou as máximas do ciclo anterior e agora se consolida em torno de US$ 67.000. É hora de avançar para os setenta mil e além”, escreveu no X o trader cripto @CryptoJelleNL.

Em uma nota para clientes, a empresa de ativos digitais QCP Capital sinalizou que já se passou tempo suficiente desde o halving para que o Bitcoin comece a subir novamente.

“Já se passaram 28 dias desde o halving do BTC e a queda pós-halving pode ter acabado”, escreveu a empresa, observando também um crescente interesse em opções de compra de BTC para dezembro, o que “indica um otimismo significativo até o final do ano”, segundo o Decrypt.

Semana decisiva para ETFs de Ethereum

A segunda maior criptomoeda do mercado, Ethereum (ETH), registra uma leve queda de 0,4% nas últimas 24 horas, negociada no momento da redação a US$ 3.103.

Publicidade

A semana promete ser agitada para o ativo à medida que a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) se aproxima do prazo final para decidir se aprova ou rejeita o lançamento de ETFs de Ethereum à vista. Nos dias 23 e 24 de maio, os reguladores devem se posicionar quanto aos pedidos de ETFs das gestoras VanEck e ArkInvest/21Shares, respectivamente.

Entre os especialistas do mercado, há pouca esperança de que os produtos sejam aprovados. O sócio-gerente da Bizantine Capital, March Zheng, disse ao CoinDesk que o mercado já precificou quase como certa uma rejeição dos ETFs de Ethereum nos EUA, mas “há razões para acreditar que o relatório conterá pontos positivos para o adiamento, o que deve sinalizar uma aprovação eventual do Ethereum no próximo ano”.

“A remoção das propostas de staking pelos registradores reclassifica o ETH subjacente como commodities apoiadas pela CFTC e pode abrir um caminho importante daqui para frente”, acrescentou o especialista, destacando a importância de o Ethereum ser enquadrado como uma commodity pelos reguladores ao invés de um valor mobiliário.

Outros destaques desta segunda

O suposto hacker do protocolo de memecoin baseado na Solana, Pump.Fun, foi preso em Londres no final de semana. Segundo o Blockworks, a polícia britânica prendeu Jarett Dunn, um ex-funcionário do protocolo conhecido como @STACCoverflow, na manhã de sábado (18), após um terceiro interessado contratar uma empresa privada de inteligência para localizar Dunn.

Publicidade

A Genesis obteve aprovação judicial para distribuir US$ 3 bilhões em dinheiro e criptomoedas aos seus credores, de acordo com um recente documento divulgado pelo CoinDesk. A quantia representa aproximadamente 77% das reivindicações dos clientes, o que significa que eles não deverão ser ressarcidos integralmente. No processo judicial, o Digital Currency Group (DCG) não foi incluído na lista de entidades que serão pagas.

O mercado espera que empresas de capital de risco invistam cerca de US$ 12 bilhões em projetos de criptomoedas em 2024, de acordo com novo estudo da PitchBook. A empresa diz que se no ciclo anterior os VCs apoiaram principalmente startups de camada de aplicação, este ano eles deverão voltar ao básico e focar em projetos de infraestrutura que suportam todos os tipos de aplicações e redes de criptomoedas, segundo o DL News.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ilustração mostra logotipo Solana à frente de gráfico de trading

Fundação Solana pune validadores acusados de “ataque do sanduíche”

Os ataques do sanduíche (sandwich attacks) vão contra as regras estabelecidas pela Fundação; Entenda
Imagem da matéria: Tether passa a deter 25% da mineradora de Bitcoin Bitdeer

Tether passa a deter 25% da mineradora de Bitcoin Bitdeer

Tether, a empresa por trás do USDT, agora possui 25% das ações da mineradora de Bitcoin Bitdeer, de acordo com um novo documento da SEC na quinta-feira
Imagem da matéria: Nova York processa minerador de criptomoedas e exchange cripto por fraude de US$ 1 bilhão

Nova York processa minerador de criptomoedas e exchange cripto por fraude de US$ 1 bilhão

Autoridades acusam a exchange cripto NovaTech e a empresa de mineração AWS Mining de “envolvimento em esquemas de pirâmide ilegais”
Imagem da matéria: É hora de apostar em Bitcoin e shitcoins, diz Arthur Hayes

É hora de apostar em Bitcoin e shitcoins, diz Arthur Hayes

O Bitcoin crescerá à medida que os bancos centrais se concentrarem em taxas de juros mais baixas em massa – com o Banco da Inglaterra em breve, prevê Hayes