Imagem da matéria: Juiz exige que Craig Wright apresente provas para suas alegações de ser o criador do Bitcoin
Craig Wright (Foto: Divulgação)

Um juiz do Reino Unido ordenou que Craig Wright, o autoproclamado inventor do Bitcoin, apresente provas de que ele é o pseudônimo Satoshi Nakamoto, como alega ser.

A decisão está em uma ordem de revisão pré-julgamento emitida na quarta-feira (20) e decorre do processo judicial Wright, Wright International & Others v. BTC Core & Others.

Publicidade

O Bitcoin Legal Defense Fund (Fundo de Defesa Legal do Bitcoin) está apoiando os requerentes no processo contra Wright. Um dos requerentes no processo é a Crypto Open Patent Alliance (COPA), um órgão do setor que representa várias empresas que desenvolvem a blockchain do Bitcoin.

No ano passado, o criador do Twitter e atual CEO da Block, Jack Dorsey, anunciou o Bitcoin Legal Defense Fund para apoiar os desenvolvedores que são alvo de ações judiciais da Tulip Trust Limited, de Craig Wright.

“A Bitcoin Legal Defense Fund é uma entidade sem fins lucrativos que visa minimizar as dores de cabeça legais que desencorajam os desenvolvedores de software a desenvolver ativamente o Bitcoin e projetos relacionados, como a Lightning Network, protocolos de privacidade do Bitcoin e similares”, disse Dorsey em um comunicado.

No início deste ano, o Bitcoin Legal Defense Fund apoiou 13 desenvolvedores de Bitcoin em dois casos iniciados por Wright sobre o suposto roubo de 111 mil bitcoins que Wright alegava possuir.

Publicidade

“O próximo julgamento consiste no julgamento principal da ação COPA e no julgamento de uma questão preliminar da ação BTC Core”, escreveu o juiz do tribunal superior James Mellor. “Por essa razão, ele foi chamado de julgamento conjunto. Ele diz respeito à ‘questão da identidade’, ou seja, se o Dr. Craig Wright é o pseudônimo ‘Satoshi Nakamoto’, ou seja, a pessoa que criou o Bitcoin em 2009.”

A decisão do tribunal diz que Wright deve fornecer prova impressa de 95 documentos que datam de 2007 e que, segundo os advogados de Wright, estavam armazenados em um drive USB da Samsung recentemente encontrado, o que provaria que ele é o criador do Bitcoin, Nakamoto.

“Até às 16h do dia 18 de janeiro de 2024, o Dr. Wright e a COPA deverão trocar e apresentar aos Réus Desenvolvedores relatórios de especialistas sobre (a) análise forense de documentos em relação aos Documentos Adicionais, o Samsung Drive e o BDO Drive; e (b) software LaTeX”, disse Mellor.

O problema com a alegação de Wright, afirma a COPA, é que as unidades foram compradas em 2015 ou 2016 e não poderiam ter sido usadas quando a alegação de Wright diz que foram.

Publicidade

Juntamente com a ordem de fornecer provas da alegação de ser Nakamoto, o juiz ordenou que Wright pagasse um adicional de US$ 992 mil à Crypto Open Patent Alliance, aos desenvolvedores de Bitcoin e às empresas citadas no processo contra ele.

“Proponho que os desenvolvedores tenham uma garantia total para sua participação no julgamento conjunto no valor de £ 900 mil”, disse Mellor. “Eles já têm £ 100 mil desse total, portanto, ordeno o fornecimento de mais garantias para os custos dos desenvolvedores no valor de £ 800 mil.”

O julgamento estava programado para começar em 15 de janeiro de 2024, mas a decisão adiou a data de início em pelo menos um ano para dar à equipe jurídica de Wright tempo para se preparar.

A ladainha de Wright

Desde 2016, o polêmico cientista da computação australiano abriu vários processos, inclusive acusando sites que publicam o whitepaper sobre Bitcoin de violação de direitos autorais com base em sua alegação de ser Nakamoto.

No ano passado, Wright perdeu um processo na Noruega contra Magnus “Hodlonaut” Granath, a quem Wright processou depois que Granath desafiou publicamente sua alegação de ser Satoshi.

Publicidade

“Fiquei com muita raiva por muito tempo, pois me preocupava com a validação externa”, disse Wright no Twitter na época. “A única validação que busco agora é da minha família e de ver minhas ideias se concretizarem e serem usadas pelo mundo. Nem todo mundo quer o que eu tenho a oferecer.”

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

You May Also Like
Imagem da matéria: Ethereum e Solana registram grandes ganhos, seguindo o otimismo com Bitcoin

Ethereum e Solana registram grandes ganhos, seguindo o otimismo com Bitcoin

Os indicadores de mercado estão todos verdes, mas há razões para estar otimista com Ethereum e Solana além de como eles refletem o que o Bitcoin faz
Fundador da FTX fora do Tribunal de Manhattan EUA

Surge primeira foto de Sam Bankman-Fried na prisão; veja

Foto teria sido tirada em 17 de dezembro e Sam Bankman-Fried parece estar mais magro do que em período do julgamento de seu caso
Imagem da matéria: Detentores do token do Coritiba recebem mais de R$ 1 milhão por venda de jogador

Detentores do token do Coritiba recebem mais de R$ 1 milhão por venda de jogador

Somando a venda de Dodô com as de Matheus Cunha e Rodrigo Guth, os investidores do token do Coritiba já receberam mais de R$ 2 milhões
gêmeos Cameron e Tyler Winklevoss

Grupo político Fairshake recebeu US$ 6,8 milhões dos gêmeos Winklevoss e VCs em janeiro

Outros doadores da super PAC Fairshake incluíram empresas de capital de risco como a Electric Capital e Blockchain Capital