Imagem da matéria: Japão: 14% dos Jovens Empresários do País Possuem Criptomoedas
(Foto tokyoform/Flickr)

O resultado de uma sondagem realizada no Japão pelo Instituto de Pesquisa New R25, publicado na semana passada no site da empresa, mostrou que 14% dos empresários japoneses entre 25 e 30 anos possuem criptomoedas.

Durante o estudo, repercutido pela CCN, os entrevistados responderam à seguinte questão: Qual moeda você possui como um valor de reserva? A pesquisa, que foi feita no âmbito nacional pela internet, usou o método do Grupo Macromill, empresa especializada em pesquisas de mercado.

Publicidade

Dos 4.734 entrevistados no período de janeiro a março deste ano, 640 disseram possuir criptomoedas. Entre eles, 206 responderam ter sido a primeira experiência nesse novo mercado de investimentos (27,7%). A maior parte respondeu que já investiram em outros tipos de ativos (72,3).

No entanto, mais de 90% disseram que a adesão é para investimento e não para o uso no dia a dia. Ainda assim, quase 38% observaram que esse tipo de aplicação é uma tendência a seguir. Cerca de 20% dos investidores em criptomoedas investiram em tokens com base em recomendações de pessoas de suas confianças e alguns por meio de informações de mídias.

Aproximadamente 25% daqueles que adquiriram criptomoedas pela primeira vez o fizeram durante outubro, novembro e dezembro de 2017, período em que o preço das moedas estavam em alta. 79% disseram que o que mais os influenciou foi o grande derramamento de boas notícias do mercado nesse período. 15% relataram que começaram a investir a partir de 2018 por conta da queda geral de preços.

Uma nota da CCN junto aos números da pesquisa expressa uma certa na consternação:

“Infelizmente com a flutuação do mercado muitos compraram em alta e experimentaram o valor decrescente de suas moedas; muitos não fizeram lucros substanciais até o momento”.

Publicidade

Quando questionados sobre o valor em criptomoedas mantidas em carteiras ou corretoras, cerca de 35% relataram investimentos inferiores a 50 mil ienes (US$ 467, aproximadamente). Poucas pessoas relataram investimentos pesados, mostrando uma abordagem geral cautelosa em relação às moedas virtuais.

O futuro das criptomoedas no Japão

Com quase metade dos homens mantendo o interesse no investimento em criptomoedas como um ativo para o futuro, pouco mais de 35% dos entrevistados perderam o entusiasmo e não pretendem continuar. Ainda assim, 80% mantêm a esperança nas moedas virtuais como um investimento.

A New R25, também chamada “Geração R25”, é uma subsidiária da empresa de mídia CyberAgent Inc., com sede em Tóquio, que visa mostrar o pensamento de jovens empresários na faixa de 20 a 30 anos, incluindo o estilo de vida e hábitos de compra.

Leia também: Polícia Britânica Confisca Bitcoins de Acusado de Fraude

BitcoinTrade

BitcoinTrade é a plataforma mais segura do Brasil para comprar e vender Bitcoin e Ethereum, junte-se agora a mais de 135 mil clientes satisfeitos. Gerencie também suas moedas digitais utilizando nosso aplicativo para dispositivos com iOS ou Android. Acesse aqui: https://www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
hackers em frente a computadores

Exchange de criptomoedas Rain perde US$ 14,8 milhões em ataque hacker

A exchange disse que já tomou as medidas necessárias e que todas as sua atividades estão funcionando normalmente, inclusive saques
Sam Bankman-Fried da FTX falando em vídeo

Criador da FTX vai mudar de presídio nos Estados Unidos

Transferência de presídio pode durar até um mês nos EUA, com o detento sendo levado para várias penitenciárias até chegar ao destino final
Imagem da matéria: ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

Ação conjunta da ABcripto e associados visa levantar fundos e doações para desabrigados das inundações
Gustavo Scarpa em um campo de futebol usando o uniforme do Atlético Mineiro

Scarpa x Bigode: Pedras preciosas não valem como garantia em processo contra pirâmide cripto, diz PF

Um laudo das pedras de alexandrita apreendidas da suposta pirâmide Xland foi avaliado por um juiz, que determinou que elas não têm valor significativo