Imagem da matéria: Já é possível criar músicas dentro do Bitcoin
Shutterstock

Inscrever obras de arte, jogos e até memes na blockchain do Bitcoin teria parecido algo inimaginável há um ano — mas graças aos Ordinals, isso está acontecendo. E durante esta semana alguém usou o esse protocolo para colocar um sistema para criar músicas de forma totalmente on-chain na rede da maior criptomoeda.

O “Descent Into Darkness Music Engine” foi inscrito na blockchain Bitcoin contendo 10 edições cunhadas e vendidas como Ordinals individuais.

Publicidade

Ao inserir algumas palavras-chave, qualquer pessoa — não apenas o proprietário de cada inscrição — pode gerar instantaneamente uma faixa musical.

Criado pelo indie developer Ratoshi, o motor de música destina-se a ser um companheiro para o seu RPG baseado em texto Descent into Darkness , e o resultado das músicas têm uma vibe meio retro “chiptune”.

Ratoshi disse ao Decrypt que eles usaram o ChatGPT da OpenAI para ajudar a desenvolver os sons que foram usados no sistema.

Inovação sem limites

O mecanismo de música baseado em Bitcoin aproveita uma inovação recente dentro da comunidade Ordinals — o que os desenvolvedores estão se referindo como “inscrições recursivas.”

Anteriormente, as inscrições eram isoladas e não podiam “conversar” umas com as outras. Mas com as inscrições recursivas, os ordinals podem “puxar” dados de ativos já inscritos na blockchain, semelhante à capacidade de composição dos protocolos Ethereum, à medida que os desenvolvedores apontam contratos inteligentes para diferentes destinos.

Publicidade

Isso permite que os desenvolvedores da Ordinals contornem as limitações de armazenamento em bloco de 4 megabytes das inscrições Bitcoin — muito abaixo do necessário para projetos modernos de videogames, bem como outras aplicações de grande escala.

A eficiência de armazenamento, mais importante, reduz drasticamente os custos de inscrição de projetos on-chain no Bitcoin ao longo do tempo, permitindo que os desenvolvedores escalem os dados de inscrição na camada base da blockchain sem depender de soluções de segunda camada.

“Graças às inscrições recursivas, preciso inscrever o código apenas uma vez”, disse Ratoshi ao Decrypt. “Cada inscrição subsequente é então um arquivo HTML muito menor que é capaz de reutilizar esse arquivo JavaScript pré-inscrito para projetos futuros.”

Como exemplo, Ratoshi disse que, em vez de pagar US$ 40,00 em Bitcoin em taxas de rede para fazer cada inscrição para um projeto de maior escala, eles poderiam pagar US$ 40,00 pelo primeiro e, em seguida, uma taxa muito menor pelas inscrições menores e subsequentes. Isso pode representar uma diferença tão grande como pagar apenas US$ 5,00 no valor de taxas para as inscrições posteriores.

Publicidade

Graças às economias para colocar mídia e aplicativos na blockchain do Bitcoin, inscrições recursivas poderiam desbloquear uma onda de inovação para diferentes projetos dentro da comunidade ordinal.

 Como observado pelo fundador da Ord.io, Leonidas, o Projeto NFT OnChainMonkey está usando o recurso para colocar obras de arte 3D on-chain com uma inscrição abaixo de 1kb em tamanho total.

O Ordinals foi lançado em janeiro pelo desenvolvedor Casey Rodarmor, que explorou uma brecha na atualização Taproot 2021 do Bitcoin, permitindo a inscrição de vários formatos de arquivo de dados na blockchain do Bitcoin.

Cada Ordinal está vinculado a um único satoshi, ou a menor unidade de medida do Bitcoin — 1/100. 000. 000 BTC), e o lançamento do protocolo Ordinals desbloqueou uma economia crescente de negociação de ativos tipo NFT no Bitcoin — e de tokens meme também. Mais de 14,6 milhões de ordinals foram inscritos desde janeiro.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Memecoin que usa nome de Trump rouba R$ 410 mil de investidores

Memecoin que usa nome de Trump rouba R$ 410 mil de investidores

Endereço despejou uma enorme quantidade do token TrumpAI, recebeu R$ 410 mil em WETH e derrubou o preço em 100%
Imagem da matéria: Grayscale desiste de lançar um ETF de futuros de Ethereum nos EUA

Grayscale desiste de lançar um ETF de futuros de Ethereum nos EUA

A gestora parece ter recuado da estratégia de levar a SEC aos tribunais para forçar a eventual aprovação de um ETF de Ethereum à vista
Imagem da matéria: El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

Segundo os dados do mempool, El Salvador comprou 30 bitcoins no último mês
Donald Trump ex-presidente dos EUA

Donald Trump recebe compradores de seus NFTs em jantar de luxo

O ex-presidente resolveu aproveitar o dia de folga do Tribunal de Nova York para receber os apoiadores no resort de luxo Mar-a-Lago