Hacker com dinheiro nas mãos
Shutterstock

Uma proposta de recompensa oferecida pelo time da Curve Finance parece ter surtido efeito: o hacker por trás do ataque de US$ 61 milhões começou a devolver parte dos fundos roubados do protocolo nesta sexta-feira (4).

Leia também: Por que o ataque contra a Curve ameaça o mercado de criptomoedas

Publicidade

A expectativa de devolução dos fundos ganhou força quando o hacker pediu à Alchemix, um projeto DeFi que também foi uma das vítimas do ataque, que confirmasse o endereço do protocolo para que ele pudesse devolver os ativos, como informou o CoinDesk.

Após a troca de mensagens vinculadas em transações na blockchain entre o hacker e o projeto, ele transferiu 4.820 ether (ETH) – equivalente a cerca de de US$ 8,9 milhões -, para a carteira da Alchemix, conforme mostram dados da rede Ethereum.

Com essa devolução de parte dos fundos, a esperança é que o hacker não pare por aqui e devolva os valores restantes para a Curve, Metronome e Alchemix, que estimam ter perdido US$ 61,7 milhões no final de semana, após invasores explorarem uma vulnerabilidade na linguagem de programação Viper.

Recompensa da Curve

Na noite de quinta-feira (3), a equipe da Curve enviou uma mensagem via blockchain para o invasor do projeto, oferecendo uma recompensa de 10% do valor roubado caso aceitasse devolver os fundos.

“Nós, como um grupo, Curve, Metronome & Alchemix, gostaríamos de discutir uma recompensa com todas as partes envolvidas nas recentes façanhas da Curve. Estamos oferecendo uma recompensa de 10% de quaisquer fundos roubados, que são seus para manter se você devolver os 90% restantes”, propõe o projeto.

Publicidade

A mensagem garante que os invasores não correrão riscos se devolverem os fundos, já que a empresa se compromete a não procurar autoridades para punir os possíveis invasores.

Curve faz proposta para hackers através de mensagem na blockchain (Fonte: Etherscan)
Curve faz proposta para hackers através de mensagem na blockchain (Fonte: Etherscan)
VOCÊ PODE GOSTAR
criptomoedas, criptoativos, regulação, Brasil, projeto de lei

Banco Central anuncia próximos passos da regulamentação do mercado cripto no Brasil

Sem definir datas, BC diz que irá fazer mais uma consulta pública no segundo semestre e um planejamento interno sobre stablecoins
Imagem da matéria: El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

Segundo os dados do mempool, El Salvador comprou 30 bitcoins no último mês
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin cai para US$ 60 mil; Trump defende criptomoedas e faz memecoin subir 155%

Manhã Cripto: Bitcoin cai para US$ 60 mil; Trump defende criptomoedas e faz memecoin subir 155%

No Brasil, investidores reagem à decisão do Copom de reduzir em 0,25 ponto percentual a taxa básica de juros (Selic)
Imagem da matéria: Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Em maio de 2022, o ecossistema da Terra (LUNA) entrou em uma “espiral da morte” que levou uma das criptomoedas consideradas mais promissoras daquele ano a cair para zero em 24 horas