Imagem da matéria: Há 12 anos o preço do Bitcoin era calculado em dólar pela primeira vez; entenda
Foto: Shutterstock

Há exatamente 12 anos, no dia 5 de outubro de 2009, um usuário anônimo chamado NewLibertyStandard fazia a primeira tentativa da história de precificar o Bitcoin (BTC) em dólares americanos, usando um cálculo do custo de eletricidade usado para minerar a primeira criptomoeda e criando o embrião de uma exchange.

Nove meses depois de ser minerado o primeiro bloco de bitcoin, o usuário determinou que um dólar americano era equivalente a 1.309,03 BTC — ou seja, a primeira “cotação” do bitcoin da história foi US$ 0,00076392, conforme relembrou no Twitter o jornalista Pete Rizzo.

Publicidade

Hoje, uma unidade da criptomoeda está valendo em torno de US$ 50 mil (R$ 270 mil) — uma valorização de 6.545.187.851%.

Para chegar ao primeiro preço do bitcoin, a pessoa por trás da conta NewLibertyStandard precisou criar uma metodologia própria. Em uma publicação no seu site pessoal —  hoje fora do ar mas disponível para consulta no archive.org —, ele explicou os cálculos:

“Minha taxa de câmbio foi calculada dividindo US$ 1 pela quantidade média de eletricidade necessária para operar um computador com um grande CPU por um ano, 1331,5 kWh, multiplicado pelo custo residencial médio de eletricidade nos Estados Unidos no ano anterior, US$ 0,1136, dividido por 12 meses dividido pelo número de bitcoins gerados pelo meu computador nos últimos 30 dias”. 

Naquela época, portanto, o preço do bitcoin era definido pelo preço da eletricidade nos EUA e pela produção de moeda através da mineração do proprietário do site.

Publicidade
O primeiro preço do bitcoin em dólar registrado em 5 de outubro de 2009. (Fonte: New Liberty Standard/archive.org)

Embrião de exchange de bitcoin

O sistema foi criado meses antes do famoso Pizza Day, em 22 de maio de 2010, quando o programador Laszlo Hanyecz pagou 10 mil bitcoins por duas pizzas .

De acordo com a investigação sobre o assunto feita pelo analista Ronan Manly ,do BullionStar, o site New Liberty Standard (NLS) pode ser considerado o primeiro modelo do que viria a se tornar as exchanges de criptomoedas.

Através do portal, o administrador oferecia serviços de compra e venda de bitcoin em dólar através do PayPal. Desse modo, a primeira tentativa de precificar o bitcoin no dólar foi um esforço de organizar o mercado que começava a se formar.

No entanto, chegar ao preço do bitcoin através da metodologia do New Liberty Standard foi se tornando uma tarefa cada vez mais complexa a partir de 2010, quando o usuário introduziu outras métricas ao cálculo, como o custo da internet de banda larga.

Publicidade

O modelo foi sendo abandonado com a entrada de novas exchanges no mercado, como a Bitcoin Market e Mt. Gox, que passaram a calcular o preço do bitcoin pela atividade de compra e venda da criptomoeda, como numa bolsa guiada pela oferta e demanda.

Embora a comunidade cripto não saiba a identidade de quem estava por trás do New Liberty Standard, o usuário foi uma figura importante para a história do bitcoin e chegou a receber um agradecimento do próprio Satoshi Nakamoto em dezembro de 2009 por ajudar a testar o Bitcoin 0.2, conforme mostra o histórico de discussões do fórum Bitcointalk.

A pesquisa do BullionStar também relembrou que através da New Liberty Standard que aconteceu uma das primeiras transações de bitcoin da história. No início de outubro de 2009, o programador finlandês e um dos primeiros apoiadores da criptomoeda chamado Martti Malmi, vendeu 5.050 BTC para NewLibertyStandard por US$ 5,02.

Outra contribuição marcante do NewLibertyStandard foi a sua sugestão de que o “฿”  — originalmente o símbolo da moeda oficial da Tailândia, o baht tailandês  — se tornasse uma espécie de ticker do bitcoin, hoje um símbolo reconhecido e utilizado por toda comunidade cripto.

VOCÊ PODE GOSTAR
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

ETFs de Bitcoin à vista já controlam mais de 1 milhão de BTC

Mais da metade dos US$ 70,5 bilhões em fundos está praticamente dividida entre Grayscale e BlackRock
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas
moeda de Bitcoin ao lado de letreiro com ETF

Estado dos EUA investe R$ 510 milhões em ETF de Bitcoin da BlackRock

O investimento foi confirmado hoje pelo Conselho de Investimentos do Estado de Wisconsin (SWIB)
Pizza em uma mão moeda de bitcoin na outra

Bitcoin Pizza Day: Corretoras comemoram data histórica do Bitcoin com promoções; confira

Semana tem pizza grátis, cashback, joguinho e descontos em comemoração à primeira transação comercial com o Bitcoin realizada há 14 anos