Imagem da matéria: Governo dos EUA vai oferecer criptomoedas como recompensa a informantes na Dark Web
Foto: Shutterstock

O Departamento de Estado dos EUA está oferecendo recompensas por criptomoedas a informantes da dark web em troca de informações sobre hackers vistos como ameaças ao país, de acordo com a CNN.

O programa Rewards for Justice (RFJ) do Departamento de Estado oferece até US$ 10 milhões para a “identificação ou localização de qualquer pessoa que, enquanto age sob a direção ou sob o controle de um governo estrangeiro, participa de atividades cibernéticas maliciosas contra a infraestrutura dos EUA. ”

Publicidade

Esta não é a primeira vez que a secretaria de estado lança uma iniciativa como esta. Na verdade, o programa RFJ está em vigor desde 1984. Desde então, o governo pagou mais de US$ 150 milhões a mais de 100 pessoas que “forneceram informações acionáveis que colocaram terroristas atrás das grades ou evitaram atos de terrorismo internacional em todo o mundo”.

O programa aborda várias outras questões importantes de segurança nacional, além do ransomware, incluindo o financiamento do terrorismo, a proliferação de armas de destruição em massa e a Coreia do Norte.

As “atividades cibernéticas maliciosas” mencionadas acima são definidas especificamente como ransomware, acesso não autorizado intencional a um computador protegido e danos causados ​​intencionalmente a um computador protegido.

“Dentro de nosso programa, há um enorme entusiasmo porque estamos realmente extrapolando cada chance que temos de tentar alcançar públicos, fontes, pessoas que podem ter informações que ajudam a melhorar nossa segurança nacional”, disse um funcionário do Departamento de Estado à CNN.

Publicidade

O programa RJF paga recompensas por meio de transferência de dinheiro ou mesmo entregando malas cheias de dinheiro.

Mas, de acordo com a CNN, o Departamento de Estado agora está aberto para pagar informantes com criptomoedas.

O programa RJF e criptomoeda

De acordo com a CNN, o programa RJF está dinamizando seus mecanismos de pagamento para incluir pagamentos de criptomoedas.

“Encontrar as pessoas onde elas estão e alcançá-las com a tecnologia na qual elas se sentem mais confortáveis, eu acho, é o nome do jogo para Recompensas pela Justiça”, disse um funcionário do Departamento de Estado à CNN.

De acordo com Erez Liebermann, ex-promotor de crimes cibernéticos do Departamento de Justiça, isso não é nenhuma surpresa. “É inconcebível que o governo não tenha usado a criptomoeda para pagar informantes ou fontes secretas”, disse ele à CNN.

Isso, por sua vez, é uma boa notícia para os defensores da criptomoeda. Neeraj Agrawal, do centro de pesquisas sobre criptoativos Coin Center, disse à CNN “Há muito tempo suspeitamos que as agências de segurança estavam se aproveitando das propriedades das criptomoedas. É ótimo ver que a administração reconhece o papel que as criptomoedas podem desempenhar na promoção do ativismo. ”

Isso pode muito bem ser verdade, mas a administração Biden também está ciente do papel que as criptomoedas podem desempenhar no ransomware – um dos riscos de segurança nacional mais priorizados do governo.

Publicidade

No mês passado, o governo dos EUA estabeleceu uma nova força-tarefa cujo foco era rastrear pagamentos de criptomoedas feitos em ataques cibernéticos.

Estados Unidos vs ransomware

O ransomware – e a ameaça mais ampla da guerra cibernética – foi colocado em foco para o governo Biden.

No início deste verão, os Estados Unidos foram atingidos por dois grandes ataques de ransomware – o Colonial Pipeline e os ataques de ransomware JBS, respectivamente.

Em maio, o grupo de ransomware DarkSide roubou mais de US $ 90 milhões da empresa americana de gasodutos Colonial Pipeline. Um mês depois, as fábricas da JBS que processam cerca de um quinto da produção de carne da América foram atingidas por hackers de ransomware. A empresa acabou pagando US $ 11 milhões aos hackers após o ataque.

Após esses episódios de ransomware de alto perfil, o Departamento de Justiça elevou o ransomware a um nível de prioridade semelhante ao terrorismo.

Publicidade

*Traduzido e editado com autorização da Decrypt.co

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Coinbase lança carteira inteligente, visando trazer 1 bilhão de usuários para cripto

Coinbase lança carteira inteligente, visando trazer 1 bilhão de usuários para cripto

Prometendo configuração simples e transações sem gás, as carteiras inteligentes da Coinbase foram projetadas para funcionar em diferentes redes e aplicativos
Ilustração de moeda NOT dourada com logotipo do jogo Notcoin do Telegram

Manhã Cripto: Bitcoin entra em compasso de espera, mas Notcoin dispara 5%

Notcoin, um jogo Play-to-Earn no Telegram, anunciou que sua base total de jogadores agora é de 40 milhões
Letras que formam a sigla ETF próximas a uma moeda dourada de Bitcoin (BTC)

ETFs de Bitcoin têm novo dia de saídas com fluxo de US$ 226 milhões liderado pela Fidelity

O único ETF de Bitcoin a ter entrada líquida na quinta foi o IBIT da BlackRock, o maior em valor patrimonial líquido, com fluxo positivo de US$ 18 milhões
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin tem forte alta com ETFs nos EUA batendo recordes de aportes

Manhã Cripto: Bitcoin tem forte alta com ETFs nos EUA batendo recordes de aportes

ETFs de Bitcoin à vista dos EUA registraram entradas de US$ 886,75 milhões, o que é o segundo maior fluxo diário desses produtos