Moeda de bitcoin com o logotipo do google
Shutterstock

O Google atualizou sua política de publicidade nesta segunda-feira (29) e, em um ponto importante, passou a permitir anúncios do que definiu como “Cryptocurrency Coin Trusts”, que está sendo entendido como produtos regulados de criptomoedas.

Com isso, a gigante de tecnologia abriu as portas para que em breve sejam vinculadas no seu serviço propagandas dos recém-lançados ETFs de Bitcoin à vista nos Estados Unidos, além de outros fundos.

Publicidade

A novidade já tinha sido antecipada pelo próprio Google, que em dezembro informou que mudaria sua política para criptos em 29 de janeiro de 2024. Na ocasião, a empresa disse que iria liberar “produtos financeiros que permitem aos investidores a negociarem ações em fundos que possuem grandes quantias de ativos digitais”.

A companhia ressaltou que o exemplo era “não exaustivo”, ou seja, era apenas uma sugestão de qual publicidade será liberada, mas outros casos de uso poderão ocorrer.

No anúncio de dezembro, o Google também disse que espera que todos os anunciantes cumpram com as leis locais de onde estiverem anunciando.

A atualização da política ocorre cerca de três semanas após a aprovação dos ETFs de Bitcoin à vista nos EUA, com gigantes como BlackRock e Fidelity agora tendo espaço para divulgarem melhor seus produtos cripto.

Publicidade

As propagandas de corretoras de criptomoedas, carteiras cripto e ICOs (Oferta Inicial de Moeda) estão proibidas na plataforma desde 2018. Mas desde 2021 passaram a ser permitidos anúncios de exchanges e alguns serviços de carteira voltados para os EUA e que atendessem uma série de regras.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Bradesco, Banco Pan, Neon e Next ficam fora do ar durante pane cibernética mundial

Bradesco, Banco Pan, Neon e Next ficam fora do ar durante pane cibernética mundial

Diversos bancos e instituições financeiras do Brasil ficaram várias horas fora do ar nesta sexta-feira
Donald Trump posa para foto em evento político nos EUA

Partido de Trump lança programa que visa impulsionar a inovação com criptomoedas

Documento faz menções contra CBDCs e a favor da mineração de Bitcoin
Imagem da matéria: Cocriador da Samourai Wallet deve sair da prisão em breve e se declarar inocente

Cocriador da Samourai Wallet deve sair da prisão em breve e se declarar inocente

Defesa e promotoria debatem se réu pode esperar julgamento em Portugal onde morava ou se deve ficar em Nova York
Bandeira do Japão com moedas de bitcoin

Empresa japonesa intensifica compra de Bitcoin em meio ao baixo crescimento econômico

A Metaplanet Inc. comprou mais 42 BTC, avaliados em US$ 2,4 milhões, enquanto a economia do Japão enfrenta ventos contrários