Imagem da matéria: Goldman Sachs diz que não existe bolha em IA e prevê futuro promissor

A Inteligência Artificial (IA) não está apenas revolucionando a tecnologia, mas também está levantando debates no setor financeiro.

O Goldman Sachs tem insistido na tese de que não existe uma bolha de IA. Mas ainda há muitos analistas que estão nervosos com o grande crescimento do interesse no mercado de IA — e o aumento associado às ações de tecnologia. Ainda assim, o gigante de Wall Street oferece uma nova perspectiva, sugerindo que estamos apenas no limiar de uma revolução da IA e longe da bolha que alguns antecipam.

Publicidade

O recente aumento das ações de IA traçou paralelos com a bolha pontocom do final dos anos 1990, uma comparação que o Goldman Sachs se opõe veementemente.

“Mesmo que essas ações tenham subido substancialmente, elas não parecem estar em uma bolha”, disse Peter Oppenheimer, estrategista-chefe de ações globais do Goldman, em uma nota recente. “Acreditamos que ainda estamos nos estágios relativamente iniciais de um novo ciclo tecnológico que provavelmente levará a um desempenho superior”, concluiu.

No entanto, nem todos partilham desta visão otimista.

Em julho, o Decrypt contou que Emad Mostaque, CEO da Stability AI (os criadores do gerador de imagem de IA de código aberto mais usado do mundo), alertou sobre uma potencial bolha “pontoAI”. Na época, ele disse acreditar que poderia superar até mesmo a notória volatilidade do mercado de criptomoedas. Apesar disso, Mostaque reconhece o potencial de longo prazo da IA, enfatizando seu poder transformador em vários setores, incluindo o bancário.

O Goldman Sachs projeta um aumento substancial nos investimentos em Inteligência Artificial globalmente, potencialmente atingindo US$ 200 bilhões até 2025. Esse crescimento é atribuído ao significativo potencial econômico da IA generativa, um ramo da IA especializado na criação de novos conteúdos baseados em grandes modelos de linguagem, que poderia trazer até US$ 4,4 trilhões para a economia global, de acordo com relatórios anteriormente discutidos pelo Decrypt.

E ações de IA performaram muito bem ao longo do ano, impulsionando a recuperação de todo o índice SP500 após a loucura que foi o mercado em 2022. “Os valuations das ações que lideram o mercado não estão tão esticados como em períodos anteriores, como a bolha da internet que entrou em colapso em 2000, e as empresas têm balanços e retornos de investimento excepcionalmente fortes”, diz o Relatório.

Publicidade

Embora as perspectivas sejam promissoras, outros especialistas pedem cautela, defendendo uma abordagem ponderada do investimento no setor da IA. Mas a dúvida é: está cedo ou tarde para investir em IA?

Oppenheimer criou o que ele chamou de estrutura PEARL para ajudá-lo a decidir depois de fazer sua própria pesquisa.

De acordo com sua metodologia, se você decidir investir seu dinheiro em tecnologia, uma boa ideia é diversificar seu portfólio em cinco grupos de empresas: pioneiros (os inovadores), Facilitadores (os que permitem comercializar a tecnologia), Adaptadores (empresas que mudam seus modelos de negócios para implementar soluções de IA), Reformadores (empresas que estão entrando no mercado) e Retardatários (grandes empresas que não precisam mudar seu modelo).

Isso parece muito trabalhoso, mas quando há dinheiro envolvido, cada bit de conhecimento é importante. Talvez você pode ter menos dor de cabeça e pedir ao ChatGPT para construir sua estratégia de IA. (Brincaderinha. Por favor, não faça isso.)

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Arte digital mostra mãos operando um celular que projeta moedas

O que é restaking? Tendência polêmica do Ethereum agora é mercado de US$ 8 bilhões 

Protocolos de restaking que permitem gerar nova liquidez com tokens já travados na rede são vistos como “risco sistêmico” por Vitalik Buterin, criador do Ethereum
Ilustração de mão segurando smartphone com logotipo da Toncoin

Telegram vai permitir compra de anúncios com Toncoin (TON)

Os proprietários de canais com mais de 1.000 assinantes também receberão 50% da receita gerada pelos anúncios exibidos
Imagem da matéria: Metade dos tokens em pré-venda na Solana são golpes, diz pesquisa

Metade dos tokens em pré-venda na Solana são golpes, diz pesquisa

Golpistas estão se aproveitando da pré-vendas de tokens na rede Solana para enganarem usuários em plataformas como Telegram
Imagem da matéria: Solana sofre congestionamento por operações desenfreadas de bots

Solana sofre congestionamento por operações desenfreadas de bots

Alto número de operações de spam estão fazendo com que a Solana fique mais lenta e que transações não sejam processadas