Changpeng "CZ" Zhao, CEO da Binance
Changpeng “CZ” Zhao, CEO da Binance (Foto: Piaras Ó Mídheach/Web Summit)

O fundador e ex-CEO da Binance, Changpeng Zhao, se apresentou em um presídio federal na cidade de Lompoc, Califórnia, EUA, para cumprir sua pena de quatro meses de prisão determinada no dia 30 de abril deste ano. Segundo informações da CNBC no fim de semana, quando solicitada a confirmação da localização de sua prisão, a equipe de defesa de Zhao da Latham & Watkins apontou para o site do Bureau of Prisons.

Durante o julgamento, Zhao, também conhecido por ‘CZ’, admitiu ser culpado de não implementar medidas de prevenção à lavagem de dinheiro enquanto esteve à frente da maior corretora de criptomoedas do mundo.

Publicidade

Ao aplicar a sentença, que foi mais leve do que os seis meses inicialmente previstos por especialistas, o juiz responsável pelo caso afirma que pesou o fato de CZ ter se entregado de forma voluntária e cooperado em todo o processo.

Fundação e apogeu da Binance com Changpeng Zhao

A Binance foi fundada por Changpeng Zhao em 2017 e rapidamente ascendeu ao posto de corretora com maior volume de mercado do mundo. No início de 2023, chegou a ter o controle de 55% do mercado de compra e venda de criptomoedas do mundo.

Em novembro, a empresa concordou em pagar uma multa de US$ 4,3 bilhões (R$ 21 bilhões) por crimes financeiros. Parte do acordo era a saída de Changpeng Zhao do comando e que ele também se responsabilizasse pelos ocorridos.

Os episódios vêm minando o poder da empresa, que ainda é grande: pesquisa da Kaiko em meados de abril deste ano mostrou que a Binance passou de dominar 81% do mercado de negociação de Bitcoin para 55%, em dados globais que excluem o mercado dos Estados Unidos. 

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Nova York processa minerador de criptomoedas e exchange cripto por fraude de US$ 1 bilhão

Nova York processa minerador de criptomoedas e exchange cripto por fraude de US$ 1 bilhão

Autoridades acusam a exchange cripto NovaTech e a empresa de mineração AWS Mining de “envolvimento em esquemas de pirâmide ilegais”
Imagem da matéria: Hacks de criptomoedas roubaram US$ 19 bilhões desde 2011 e atividades ilegais seguem crescendo

Hacks de criptomoedas roubaram US$ 19 bilhões desde 2011 e atividades ilegais seguem crescendo

Relatório da Crystal Intelligence mostra que em 13 anos ocorreram 785 casos de roubos de criptomoedas, no valor total de US$ 19 bilhões
Logo da cripotmoeda Bonk Inu

O que é BONK? Saiba tudo sobre a memecoin em Solana com tema de cachorro

Anunciada como a “camada social” da Solana, a criptomoeda meme atingiu um valor de mercado de mais de US$ 1,5 bilhão
Imagem da matéria: MB diversifica portfólio e anuncia onze novas listagens em maio de 2024

MB diversifica portfólio e anuncia onze novas listagens em maio de 2024

“Muitas dessas novidades podem ser acessadas a partir de R$ 1. Isso dinamiza nosso portfólio, e viabiliza a democratização”, diz executivo