Imagem da matéria: Fique Longe do Bitcoin, Alerta Chefe do Banco Central Dinamarquês
Lars_Rohde_01 stor

O chefe do banco central dinamarquês alertou os investidores para “ficar longe” do bitcoin.

Conforme relatado pela mídia DR, o diretor da Danmarks Nationalbank, Lars Rohde, argumentou que o bitcoin é “perigoso” e, comparando o investimento em bitcoin com apostas, ele disse: “Se você não gosta de casinos, você terá uma boa alternativa”.

Publicidade

Rohde continuou:

“Eu vejo o bitcoin como a mania das tulipa, como uma bolha fora de controle”.

Em uma nota final, o diretor acrescentou que o mercado de bitcoin é “completamente não regulamentado” e, portanto, nenhuma proteção é fornecida pelas autoridades. “É da responsabilidade do indivíduo” e os investidores “não devem vir reclamar para nós se der errado”, disse ele.

As declarações de Rohde seguem logo após uma análise do banco central dinamarquês, que declarou que a introdução de uma moeda digital emitida pelo banco central no país não resultaria em melhores soluções de pagamento e também poderia trazer riscos de instabilidade financeira.

“Em um contexto dinamarquês, não está claro com o que a moeda digital do banco central poderia contribuir, que ainda não está coberta pelas soluções de pagamento atuais”, afirma a análise.

Leia Também: Governos Irão à Guerra Contra o Bitcoin, Diz John McAfee

 

BitcoinTrade

Compre e venda Bitcoin na primeira e única corretora de Bitcoin do Brasil com certificação PCI DSS nível 2, que atende aos requisitos máximos de segurança nas transações. Acesse: https://www.bitcointrade.com.br/

VOCÊ PODE GOSTAR
Moeda prateada da Chainlink com reflexo em um fundo roxo

Chainlink sobe 18% ao lançar projeto piloto em Wall Street com JP Morgan, BNY Mellon e DTCC

A DTCC anunciou que acaba de concluir um projeto piloto de tokenização com gigantes de Wall Street, como JP Morgan e BNY Mellon, aproveitando o CCIP da Chainlink
Imagem por detrás de uma pessoa algemada

Interpol prende hacker que roubou R$ 260 mil da Polícia de Buenos Aires e lavou fundos com USDT

Liderado por um venezuelano, preso nos EUA, o grupo roubou R$ 8 milhões de entidades argentinas através de um malware de origem brasileira
martelo de juiz com logo da binance no fundo

Governo dos EUA contrata empresa para monitorar a Binance

A Forensic Risk Alliance venceu a disputa contra a Sullivan & Cromwell, que atuou no caso FTX
Ministro Zhaslan Madiyev ex-gerente Binance Cazaquistão

Gerente da Binance é nomeado ministro de Desenvolvimento Digital no Cazaquistão

Depois de passagens por bancos e órgãos do governo cazaquistanês, Zhaslan Madiyev ocupa agora o maior cargo do Ministério de Desenvolvimento Digital, Inovações e Indústria Aeroespacial