Imagem da matéria: Felipe Neto comemora recorde de preço da criptomoeda Cardano (ADA)
Youtuber Felipe Neto. (Foto: Reprodução/YouTube)

O youtuber Felipe Neto parece estar feliz com o bom desempenho da criptomoeda Cardano (ADA), que valorizou 8% nas últimas 24 horas e bateu um novo recorde de preço de US$ 2,88 na manhã desta segunda-feira (23).

Na noite de domingo (22), ele tweetou “ADA” com emojis de gráfico em alta e foguetes, em referência à valorização da moeda. No acumulado da semana, a ADA disparou 30%.

Publicidade

Essa é a primeira vez que Felipe Neto mostra simpatia por uma criptomoeda aos seus 13,7 milhões de seguidores na rede social. Até então, o empresário carioca mantinha uma postura cautelosa ao indicar investimentos, aconselhando seus seguidores a tomar cuidado com a onda de day trade e os “charlatões” do mercado financeiro.

Por outro lado, Neto já flertava com a indústria cripto desde junho deste ano, quando a sua agência de conteúdo, a Play9, lançou o 9Block, um mercado de tokens não fungíveis (NFT) baseado na blockchain Hathor, criada por brasileiros.

Mesmo naquela época, ele recomendou cautela ao público: “Não compre NFT apenas por ser meu fã, sem pesquisar o assunto. O importante é você estudar blockchain, criptomoedas, NFTs e aí sim decidir se quer ou não comprar”.

O ‘boom’ da ADA

A Cardano (ADA) está passando pelo seu melhor desempenho da história à medida que a comunidade cripto se anima com a chegada do hard fork ‘Alonzo’.

Publicidade

A atualização, considerada a mais importante do projeto, acontece no dia 12 de setembro e vai introduzir a funcionalidade de contrato inteligente na sua rede principal.

Com a alta das últimas semanas, a criptomoeda alcançou uma capitalização recorde de US$ 91 bilhões e passou a ocupar a terceira posição como a maior do mercado, deixando para trás a Tether (USDT) e o Binance Coin (BNB), segundo o CoinMarketCap.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ilustração de bandeira do Brasil dentro moeda de Bitcoin

Novo estudo do LAPIN apresenta melhores práticas para regulação de criptomoedas no Brasil

White paper feito pelo LAPIN com apoio da Ripple traz diversos pontos e dados para ajudar na regulação do setor de criptomoedas brasileiro
Imagem da matéria: Bitcoin cai mas analistas ainda acreditam que preço vai chegar a US$ 150 mil este ano

Bitcoin cai mas analistas ainda acreditam que preço vai chegar a US$ 150 mil este ano

A AllianceBernstein concorda com os analistas do Standard Chartered e acredita que o preço do BTC mais que dobrará nos próximos 18 meses
dupla de homens sendo presa

Irmãos são presos por roubo de R$ 130 milhões em ataque de 12 segundos na rede Ethereum

O procurador americano Damian Williams disse que “este suposto esquema era novo e nunca havia sido acusado antes”
Bitcoin em gráfico de alta com seta azul apontado para o alto

Traders esperam que Bitcoin supere a máxima de US$ 74 mil em breve

“Esperamos um impulso de alta aqui que pode nos levar de volta às máximas de US$ 74 mil”, disse a QCP Capital sobre o momento do Bitcoin