Imagem da matéria: Ex-diretor da falida Cryptopia cria nova exchange na Nova Zelândia
(Foto: Pixabay)

Enquanto a exchange neozelandesa Cryptopia amargava um período de insolvência até falir na semana passada, uma nova plataforma de negociação de criptomoedas era criada na Nova Zelândia, a Assetylene.

Até então, tudo bem, não fosse o fato de seu criador ser um dos fundadores e ex-diretor técnico (CTO) da falida Cryptopia, o também desenvolvedor, Adam Clark.

Publicidade

“Bem-vindos à Assetylene, a plataforma de negociação de criptomoedas mais avançada da Nova Zelândia”, diz a abertura do site.

Exchange criada por
ex-diretor da Cryptopia. Imagem: Reprodução/assetylene.com

Algumas ordens de negociações já foram abertas, mas não se vê nenhuma atividade. A aba ‘Sobre nós’ (About Acetylene) também não recebeu nenhuma informação da empresa.

Segundo o site Decrypt, a Assetylene é uma cópia da popular exchange de negociações de criptomoedas TradeSatoshi. Porém, faz sentido. Clark já trabalhou na plataforma como desenvolvedor sênior e agora usa o mesmo software.

Contudo, o desenvolvedor não trabalha na Cryptopia desde fevereiro de 2018, segundo informações da sua conta no Linkedin. Lá também há a informação de que ele constrói a Assetylene há pelo menos nove meses.

Em resumo, publicou a Coindesk, ficam as perguntas: A exchange é real? Sofrerá o mesmo destino que a Cryptopia?

Talvez o desempenho do passado não seja um indicativo de resultados futuros. No entanto, fazer a mesma coisa e esperar um resultado diferente pode ser um caso de insensatez, diz o site.

Publicidade

Falência da Cryptopia

A Cryptopia anunciou sua falência após ser hackeada duas vezes no mesmo mês, em janeiro deste ano — Um relatório concluiu que o valor dos criptoativos roubados na exchange somavam cerca de US$ 16 milhões, aproximadamente R$ 60 milhões.

A exchange apontou David Ruscoe e Russell Moore da empresa neozelandesa Grant Thornton como liquidantes da empresa. A instituição é especializada em auditorias e assessoria financeira.

Na ocasião, a exchange escreveu os seguinte:

“Apesar dos esforços da administração para reduzir custos e retornar o negócio à lucratividade, foi decidido que a nomeação de funcionários e outras partes interessadas como liquidantes era de melhor interesse dos clientes”, disse a exchange.

Na mesma nota de falência, A Cryptopia também afirmou que os representantes da Grant Thornton estariam trabalhando com especialistas independentes e com autoridades relevantes para realizar ações que levam ao cumprimeto das obrigações da exchange.

Publicidade

Disse, ainda, que a Grant Thornton entrará em contato com todos os clientes e fornecedores para detalhar tudo sobre a nomeação dos liquidantes.


Compre criptomoedas na 3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Paolo Ong, da SEC Filipinas

Termina prazo para saída da Binance das Filipinas e reguladores avisam: “Não há como sacar fundos após bloqueio”

“Não podemos endossar nenhum método de como retirar seu dinheiro agora que a ordem de bloqueio foi emitida”, disse o regulador filipino
Imagem da matéria: Exchange de futuros da Solana, Drift vai distribuir 100 milhões de tokens para traders de DeFi

Exchange de futuros da Solana, Drift vai distribuir 100 milhões de tokens para traders de DeFi

Em conjunto com o lançamento do Drift DAO, a Fundação irá distribuir gratuitamente 10% do fornecimento total de tokens DRIFT na Solana
Silhueta de pessoa jogando videogame À frente de TV

Tokens de jogos desabam junto com queda do Bitcoin antes do halving

Tokens importantes como Gala Games, Pixels, Portal e Xai caíram 30% ou mais na semana passada, com alguns estabelecendo novas mínimas
Ilustração de moeda gigante de Bitcoin observada por investidores e prestes a ser cortada ao meio

Quando será o próximo halving do Bitcoin?

O tão falado halving do Bitcoin acabou de acontecer, e o próximo já está no horizonte.