Imagem da matéria: EUA pode ter ETF de Bitcoin nos próximos 45 dias
Foto: Shutterstock

A VanEck teve seu pedido de ETF de Bitcoin publicado pela SEC. Isso significa que a SEC tem um período de 45 dias para aceitar ou negar o pedido da empresa.

Ao contrário do Canadá, que lançou três ETFs de bitcoin até o momento, os Estados Unidos ainda estão esperando seu primeiro. Se tiver sucesso em sua aplicação, a VanEck abrirá novos caminhos regulatórios nos Estados Unidos, abrindo um caminho para um produto muito aguardado no mercado.

Publicidade

O Brasil, por exemplo, teve seu primeiro ETF de criptomoedas aprovado pela CVM na quarta-feira (17).

Uma série de grandes nomes, incluindo o fundador da Skybridge Capital, Anthony Scaramucci, estava antecipando o momento em que um ETF de Bitcoin chegará aos Estados Unidos. Embora todos os esforços até agora tenham sido malsucedidos, os entusiastas permanecem otimistas de que um deles acabará tendo sucesso.

Se, após o período de 45 dias em vigor agora, a SEC não tiver chegado a uma decisão, ela pode optar por estender a revisão por até 240 dias.

O que é um ETF de Bitcoin?

Um ETF rastreia o preço de um ativo subjacente. Nesse caso, o ETF de Bitcoin é um fundo negociado em bolsa especificamente para Bitcoin. Isso permitiria aos usuários obter exposição ao Bitcoin sem ter que comprar a própria criptomoeda.

Uma vantagem percebida é que ele poderia cortar muitos procedimentos complexos de armazenamento e segurança que muitos detentores de criptomoedas tomam para manter seu Bitcoin seguro. Consequentemente, um ETF de bitcoin tem sido apresentado como um dos meios mais esperados para o Bitcoin entrar no mainstream.

Publicidade

Por mais atraente que a ideia possa parecer para alguns, a SEC ainda não aprovou nenhuma proposta do ETF Bitcoin. As aplicações anteriores feitas por empresas como a dos irmãos Winklevoss, Bitwise Asset Management e a empresa de serviços financeiros Wilshire Phoenix não tiveram sucesso.

Um dos principais motivos pelos quais elas falharam é porque – de acordo com a SEC – ninguém demonstrou de forma convincente que o Bitcoin é inerentemente resistente à manipulação.

Dois anos atrás, a SEC ofereceu alguns conselhos aos aspirantes. De acordo com o Exchange Act 6 (b) (5), os requerentes teriam que demonstrar que o Bitcoin é “inerentemente resistente à fraude e manipulação.” Além do mais, um ETF bem-sucedido viria com um contrato de vigilância com um “mercado regulamentado de tamanho significativo”.

Também em 2019, o ex-comissário da SEC Robert Jackson Jr. disse que um ETF de Bitcoin seria aprovado quando players maiores se envolvessem. Desde então, o investimento institucional fluiu para o Bitcoin, com empresas como MicroStrategy e Tesla investindo bilhões na criptomoeda, e o PayPal anunciando que os clientes americanos poderiam comprar e vender Bitcoin em sua plataforma em novembro passado.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Baleias estão mais famintas do que nunca por Bitcoin; Veja por quê

Baleias estão mais famintas do que nunca por Bitcoin; Veja por quê

“Atualmente a demanda de Bitcoin por esse grupo de investidores é a maior de todos os tempos”, diz estudo da CryptoQuant
miniaturas de pessoas minerando bitcoin em meio a pedras e folhagens

O impacto ambiental do Bitcoin após o halving será para melhor ou pior?

O halving vai remodelar quem explora o Bitcoin e, portanto, a eficiência energética da rede. Isso compensará o imenso uso do BTC?
Udi Wertheimer vestido de mago no Bitcoin 2023. Imagem: Taproot Wizards

Proposta de Bitcoin para restaurar código de Satoshi recebe atualização ‘420’

OP_CAT, que poderia habilitar funcionalidades avançadas no Bitcoin, foi introduzido como BIP-420 pelo cofundador da Taproot Wizards, Udi Wertheimer
Paolo Ong, da SEC Filipinas

Termina prazo para saída da Binance das Filipinas e reguladores avisam: “Não há como sacar fundos após bloqueio”

“Não podemos endossar nenhum método de como retirar seu dinheiro agora que a ordem de bloqueio foi emitida”, disse o regulador filipino