Imagem da matéria: Ethereum tem sucesso em etapa inicial da Fusão que chega em poucos dias
Foto: Shutterstock

A primeira etapa da fusão do Ethereum, chamada Bellatrix, foi ativada com sucesso nesta terça-feira (6) na blockchain. A confirmação foi dada por desenvolvedores importantes da comunidade, como Terence Tsao e Anthony Sassano.

Bellatrix dá início à fusão – aguardada atualização na qual o Ethereum migra do atual mecanismo de consenso proof-of-work (PoW) para o novo sistema proof-of-stake (PoS) — colocando fim à mineração na sua rede.

Publicidade

Com o proof-of-stake, os blocos passam a ser criados por validadores que bloqueiam quantias de ether (staking) para ter o direito de participar no consenso da rede e serem recompensados por isso.

Esse sistema não irá mais recompensar o uso de força computacional e, portanto, irá permitir que as transações na rede sejam feitas consumindo uma fração da energia que é gasta atualmente.

A fusão é um processo de duas etapas: primeiro deve ser ativado na Beacon Chain – a cadeia PoS da rede que está sendo executada em paralelo com a rede PoW atual – com a atualização Bellatrix na camada de consenso.

A Bellatrix, por sua vez, será seguida pela atualização Paris – a transição da camada de execução de PoS para PoW, acionada por um limite específico chamado Dificuldade Total do Terminal (TTD).

Publicidade

O valor de TTD que desencadeia a fusão é definido em 5875000000000000000000 e deve ocorrer entre 13 e 15 de setembro de 2022, dependendo do hashrate do Ethereum. Quanto maior o hashrate, mais cedo a rede atingirá o TDD necessário para acionar a fusão.

Terence Tsao publicou uma página de programação e disse: “Bellatrix ativada! Próxima parada: a fusão. Te vejo do outro lado”.

Sassano tuitou afirmando que a atualização Bellatrix está ativa na Beacon Chain do Ethereum e que o próximo passo é a rede principal da blockchain.

As vantagens do novo sistema

A migração para o proof-of-stake tornará o Ethereum “99% mais energeticamente eficiente”, segundo a Ethereum Foundation.

Em julho, o cofundador do Ethereum, Vitalik Buterin, também havia dito acreditar que a mudança é “ótima para a descentralização”, apesar de críticos afirmarem que o oposto acontecerá.

Publicidade

Há tempos, usuários do Ethereum falam sobre como a fusão irá melhorar a rede, apesar de o próprio Buterin ter destacado que existem muitas atualizações vindo por aí.

Após essas atualizações, desenvolvedores esperam que a velocidade e a eficiência da rede também melhorem.

VOCÊ PODE GOSTAR
Celular com logotipo da BInance

Binance lista novos pares para Ethereum, Pepe, BNB e Solana

A corretora também vai incluir os novos pares em seu serviço de robôs de negociação
Imagem da matéria: Em evento na Europa, Vitalik Buterin discute melhorias cruciais para evolução do Ethereum

Em evento na Europa, Vitalik Buterin discute melhorias cruciais para evolução do Ethereum

Além de uma palestra de Vitalik Buterin, evento focado em Ethereum mostrou a força do Brasil na comunidade e reconhecimento como um hub na América Latina