Imagem da matéria: Esquema fraudulento chinês movimentou 13.000 BTC e pode ser responsável pela queda no preço
Foto: Shutterstock

O preço do bitcoin caiu US$ 1.000 em 24 horas. O BTC, que estava cotado a US$ 9.241 às 13h de sábado (07), atingiu US$ 8.241 também às 13h neste domingo (08). A queda pode ter sido impulsionada pela movimentação de uma grande quantidade de bitcoin adquiridas em esquema fraudulento.

No Brasil, o preço chegou a cair mais de R$ 3.000, registrando mínima diária de R$ 39.017 segundo dados o IPB.

Publicidade

De acordo com informações da OXT Research, divulgada pelo twitter @ErgoBTC, uma pirâmide financeira chinesa chamada PlusToken, que roubou bilhões de dólares no ano passado, depositou aproximadamente 13.000 bitcoins (R$ 520 milhões) diretamente em serviços de mix.

Serviços de mix permitem que usuários misturem suas moedas com outras moedas, aumentando a privacidade e eliminando a opção de rastreá-las usando exploradores de blocos.

Os misturadores são exchanges sem KYC. Uma vez que os usuários enviam Bitcoins ou outras criptomoedas para o misturador, eles receberão outras moedas em troca, entrando em diferentes endereços da carteira. Por esses motivos, mixers são geralmente associados a atividades criminosas.

Como o montante de 13.000 BTC foi movimentado da carteira da PlusToken, o mercado pode ter assumido que haveria um despejo dos bitcoins, levando a uma forte venda que acarretou na queda de US$ 1.000.

Publicidade

Mercado despencou

Junto com o bitcoin, as principais criptomoedas operam em forte queda neste domingo. Ethereum perde 11,66% e é negociada a US$ 211,20. XRP cai 10,88% e Bitcoin Cash sofre a maior queda, de 15,6%.

Nenhuma criptomoeda entre as trinta maiores é negociada em alta nas últimas 24 horas. O mercado sofre uma perda de US$ 30 bilhões no dia.


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Ao todo, vítima gastou quase R$ 5 milhões nos pagamentos: além do envio de Bitcoin, foram 40 depósitos bancários
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%
Imagem da matéria: '101 Perguntas sobre Bitcoin': Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

‘101 Perguntas sobre Bitcoin’: Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

A obra discorre os princípios técnicos da moeda até suas implicações socioeconômicas no contexto atual, de modo a proporcionar um entendimento profundo ao público geral
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas