Imagem da matéria: Escola brasileira de blockchain vai atuar em bairros carentes do Rio de Janeiro
(Foto: Shutterstock)

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e o Banco Mundial lançaram o ‘Programe o seu Futuro’, um projeto de preparação de jovens para o mercado de trabalho e de introdução a tecnologias emergentes, como a blockchain. Os cursos serão voltados para jovens de áreas vulneráveis na cidade do Rio de Janeiro.

De acordo com a publicação da CVM, o projeto já conta com o apoio de duas empresas do setor, a Blockchain Academy, que é focada em educação corporativa, e a Cosmos Blockchain, startup com foco em desenvolvimento de produtos e projetos.

Publicidade

Além desses parceiros, o programa também conta com o apoio do Centro de Integração Empresa-Escola, Instituto Sicoob, Banco Maré, representantes de setores públicos e privados e de instituições de pesquisa.

Mundo do trabalho e blockchain

O ‘Programe o seu Futuro’ oferecerá dois cursos. No primeiro, o foco será na preparação do jovem para sua vida profissional. A intenção é que ele vá se acostumando com as competências específicas do mundo do trabalho.

Além disso, os jovens serão ensinados sobre educação financeira para que faça parte de suas definições de metas na elaboração de um plano de vida.

O segundo curso será focado nas áreas técnicas, priorizando o pensamento criativo, a resolução de problemas e a linguagem digital. Para isso, uma academia de programação e de blockchain será construída na Vila Olímpica Clara Nunes, em Fazenda Botafogo (RJ).

Publicidade

Projeto será ampliado

José Alexandre Vasco, Superintendente de Proteção e Orientação ao Investidor da CVM, disse que a intenção é ampliar o programa levando conhecimento a quem mais precisa.

“O projeto se insere como um piloto que, se bem-sucedido, será ampliado, dentro da estratégia de levar a quem mais precisa a possibilidade de mudança de sua realidade, pavimentando o caminho para uma sociedade de investidores”, disse, conforme o artigo.

Arianna Legovini, diretora do Departamento de Avaliação de Impacto do Banco Mundial, acredita que a chave para mudar a realidade de muitos jovens é lhes proporcionar oportunidades.

“É evidente o caráter transformador que programas de formação na área tecnológica podem ter. Proporcionar oportunidades de alto retorno pode mudar as aspirações para o futuro dos jovens e incentivá-los para que invistam em si e em sua própria educação”, disse.

Publicidade

3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Projeto de universitários brasileiros ganha R$ 50 mil em hackathon global da Solana

Projeto de universitários brasileiros ganha R$ 50 mil em hackathon global da Solana

Grupo criou aplicação para conectar via blockchain produtores de energia e estações de abastecimento, com a mira no mercado de carros elétricos
Ilustração mostra mapa do Brasil com pontos ligados em blockchain

Banco Central, UFRJ, Polkadot e Ripple se unem para aprofundar pesquisas sobre interoperabilidade entre blockchains e DREX

A Federação Nacional de Associações dos Servidores do Banco Central (Fenasbac) antecipa…
Ilustração da memcoin em Solana Bonk

Como criar uma memecoin em Solana com a Pump.fun

Protocolo viralizou ao permitir a qualquer pessoa criar uma criptomoeda por cerca de R$ 15