Imagem da matéria: Erro faz NFT raro de R$ 356 mil ser vendido por menos de 5 centavos
Foto: Divulgação

Punk 3860, um CryptoPunk de uma coleção única de 10.000 NFTs avaliado em US$ 69 mil (cerca de R$ 356 mil), foi arrematado por menos de um centavo de dólar na quarta-feira (04) por conta de um erro do vendedor. O caso se espalhou rapidamente na comunidade, pois um usuário atento conseguiu ‘burlar’ o sistema, comprar o arquivo e colocá-lo à venda.

Segundo apurou o The Block, o proprietário pretendia colocar o NFT em uma venda autorizada por menos de um centavo, mas acabou disponibilizando o arquivo no mercado aberto. Qualquer pessoa, portanto, que estivesse observando o mercado de perto poderia ter visto a listagem entrar no ar e abocanhar o Punk, acrescentou o site.

Publicidade

“Algumas pessoas estão jogando xadrez, enquanto outras jogam damas”, escreveu no Twitter, Jonathan Clark, cofundador da plataforma DeFi Float Capital, destacando o valor negociado, 99wei — ‘wei’ é a menor unidade de um ethereum (ETH), assim como é o ‘satoshi’ para o Bitcoin.

A conta @cryptopunksbot, que acompanha e divulga as negociações CryptoPunks, também comentou: “Punk 3860 comprado por 99 Wei”.

Baseado em dados do blockchain, certificou o The Block, o comprador gastou 22 ETH (US$ 57.000) para subornar um minerador de Ethereum para que ele priorizasse a inclusão de sua transação em um bloco. “Eles fizeram isso usando o protocolo de comunicação Flashbots, que é comumente usado para extrair MEV”, explicou o The Block. MEV é um imposto invisível que os mineradores podem cobrar dos usuários.

O NFT Punk 3860 ainda recebeu outros lances antes de ser vendido. O lance máximo até agora é de 35 ETH (US$ 91.000). Segundo o site, o comprador colocou o NFT à venda por 52 ETH (US$ 131.000), concluindo que se alguém decidir comprá-lo por esse preço, o comprador original terá um lucro de US$ 74.000.

Coleção CryptoPunk

CryptoPunks são um conjunto gerado aleatoriamente de 10.000 caracteres digitais exclusivos e são alguns dos primeiros exemplos de tokens não fungíveis lançados no blockchain da Ethereum. Eles foram desenvolvidos por Matt Hall e John Watkinson do estúdio de jogos americano Larva Labs.

Publicidade

Inicialmente doados de graça, alguns CryptoPunks com características particularmente raras ou desejáveis — como o alienígena fumador de cachimbo de pele azul que é o CryptoPunk # 7804 — passaram a ser vendidos por quantias significativas. Isso inclui o CryptoPunk # 1651, vendido por uma soma de seis dígitos em fevereiro.

VOCÊ PODE GOSTAR
tornado cash 1

Desenvolvedor do Tornado Cash é condenado a 5 anos de prisão por lavagem de dinheiro

“O Tornado Cash, em sua natureza e funcionamento, é uma ferramenta destinada a criminosos”, disse um dos juízes ao condenar Alexey Pertsev
Imagem da matéria: El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

Segundo os dados do mempool, El Salvador comprou 30 bitcoins no último mês
Imagem da matéria: Bitso lança carteira Web3 para facilitar conexão com aplicativos DeFi

Bitso lança carteira Web3 para facilitar conexão com aplicativos DeFi

Bitso Web3 Wallet suporta Ethereum, Polygon, Arbitrum, Base e Optimism e permite acesso a mais de 2 mil tokens
Imagem da matéria: Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Pavel Durov detém 1% do maior token de jogo deste ano, doado pelos jogadores. E ele não está vendendo seus Notcoin – não agora, pelo menos