Imagem da matéria: Empresa que garantiu reservas da Binance abandona corretora e tira auditoria do ar
Foto: Shutterstock

A empresa de auditoria francesa Mazars Group decidiu não trabalhar mais com empresas de criptomoedas e vai abandonar os clientes que tinha até então, incluindo a corretora Binance.

Foi a própria exchange que deu a notícia em um e-mail enviado à Bloomberg nesta sexta-feira (16), que dizia: 

Publicidade

“A Mazars indicou que pausará temporariamente seu trabalho com todos os seus clientes cripto globalmente, que incluem Crypto.com, KuCoin e Binance. Infelizmente, isso significa que não poderemos trabalhar com a Mazars no momento”, disse um porta-voz da empresa no comunicado.

A decisão da Mazars, portanto, não afeta apenas a Binance já que as corretoras Crypto.com e Kucoin também dependiam da auditora. A notícia, no entanto, é mais significativa para a maior exchange do mundo, à medida que desconfianças em torno da empresa crescem em ritmo acelerado.

A Mazars foi a empresa que na semana passada garantiu que as reservas de Bitcoin da Binance estavam sobrecolateralizadas, ou seja, que os ativos dos clientes mantidos na corretora estavam respaldados 1:1. 

A empresa francesa publicou sua avaliação sobre a prova de reservas da Binance recentemente, no dia 7 de dezembro, relatando uma taxa de garantia de 101% para 575.742 BTC em depósitos líquidos de clientes da Binance em 22 de novembro.  

O relatório que traz essas informações, no entanto, foi tirado do ar e já não está mais disponível para leitura, como apontou o Decrypt. A Mazars também garantiu a segurança das reservas da Crypto.com e Kucoin e, da mesma forma, essas páginas já não estão mais no ar.

Publicidade

Essas corretoras internacionais correram atrás de formas de tranquilizar investidores sobre a segurança de seus fundos após a FTX, uma das principais corretoras do setor, travar saques dos clientes num esquema fraudulento que no início da semana levou à prisão de Sam Bankman-Fried.

A garantia dada por uma empresa de auditoria externa, portanto, era uma forma de investidores não precisarem confiar apenas nas palavras dos executivos das corretoras. Até o momento, a equipe da Mazars Group não comentou sobre a decisão de deixar de trabalhar com a Binance. 

Enquanto isso, o preço da Binance Coin (BNB) sofre com o clima de tensão que cerca a corretora, caindo 5% no dia, segundo o CoinGecko. Mais cedo, BNB bateu uma mínima no dia de US$ 249, o preço mais baixo registrado pelo token em cinco meses.

Participe da comunidade de criptomoedas que mais cresce no Brasil. Clique aqui e venha conversar no Discord com os principais especialistas do país.

VOCÊ PODE GOSTAR
solana, criptomoedas,

Este evento vai fazer a Solana atingir US$ 400 este ano, projeta analista

Para analista da Merkle tree, a Solana pode disparar 170% este ano puxado por memecoins ligadas aos candidatos na eleição dos Estados Unidos
Imagem da matéria: Câmara dos EUA aprova projeto de lei para frear criação de CBDC

Câmara dos EUA aprova projeto de lei para frear criação de CBDC

O apoio à legislação ficou bastante dividido entre os partidos, com muito menos apoio dos democratas em comparação com outros projetos de lei envolvendo criptomoedas neste mês
máquinas de mineração de criptomoedas apreenidas em

Polícia apreende 396 mineradoras de Bitcoin em casa de ex-deputado paraguaio

Miguel Cuevas, que já foi preso por enriquecimento ilícito, agora pode também ser investigado por furto de energia
homem segura com duas mãos uma piramide de dinheiro

CVM julga hoje pirâmide Atlas Quantum; veja detalhes da acusação

Procuradoria da CVM acusa Atlas Quantum de operação fraudulenta no mercado de valores mobiliários e embaraço à fiscalização da CVM