Imagem da matéria: Empresa dos Bored Apes lança sistema que transforma NFT em "robô"
(Decrypt/Yuga Labs/Divulgação)

A Yuga Labs, empresa criadora da popular coleção de Tokens Não Fungíveis (NFT) Bored Ape Yacht Club, começou na quarta-feira (15) a cunhagem de sua mais nova coleção, HV-MTL. O processo foi iniciado por meio de um sistema de “convocação”, no qual os proprietários de NFTs Sewer Pass podem queimá-los em troca das novas peças, de robôs descritos como Mechs.

A HV-MTL (Heavy Metal) é uma coleção de 30 mil Mechs “Evo 1” que os NFTs Sewer Pass liberam de uma “fonte de energia” quando queimados, e que concederão acesso a futuros jogos e conteúdo.

Publicidade

O preço mínimo dos NFTs HV-MTL atingiu 2,7 ETH, cerca de US$ 4.445,00 cada, no OpenSea. A coleção HV-MTL também ultrapassou 2.588 ETH no mercado secundário, cerca de US$ 4,3 milhões.

De jogo a robô

A Sewer Pass surgiu como um tokens do Dookey Dash, um jogo NFT estilo “corrida sem fim” baseado em navegador que desafia os jogadores a progredir o mais longe possível através de um sistema de esgoto virtual, tentando evitar obstáculos ao pegar itens.

No mês passado, Dookey Dash terminou com a estrela dos e-sports, Kyle “Mongraal” Jackson, vencendo a corrida inaugural em meio a polêmicas.

Mais de 25 mil jogadores participaram da corrida que usou os Sewer Pass — colecionáveis digitais exclusivos disponíveis apenas para membros do Bored Ape Yacht Club — como taxa. Agora, esses Sewer Pass se tornarão companheiras mecanizadas dos Bored Apes dos proprietários.

Publicidade

Alguns colecionadores reclamaram sobre problemas com os metadados HV-MTL. A Yuga Labs disse que estava investigando e que iria “enviar uma atualização de metadados quando isso for resolvido”.

O problema foi resolvido mais de quatro horas depois.

Juntamente com o entusiasmo em torno do último drop de NFTs relacionados ao Bored Ape, surge a necessidade de maior cautela. Scammers fingindo ser o Bored Ape Yacht Club circularam links de sites maliciosos, a fim de atrair e criar armadilhas para aspirantes a colecionadores.

A Yuga Labs tem sido associada ao ecossistema Ethereum e NFTs, mas a empresa expandiu-se para o ecossistema Bitcoin no mês passado, quando lançou uma coleção de 300 peças de arte generativas, Twelvesfold, que arrecadou mais de US$ 16 milhões.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Propina paga a Eduardo Requião foi usada para investir na pirâmide financeira do "Rei do Bitcoin"

Propina paga a Eduardo Requião foi usada para investir na pirâmide financeira do “Rei do Bitcoin”

Nova operação da Polícia Federal visando fraudes no portos do Paraná revelou uma curiosa ligação entre o irmão do Roberto Requião e um dos maiores piramideiros do Brasil
solana, criptomoedas,

Este evento vai fazer a Solana atingir US$ 400 este ano, projeta analista

Para analista da Merkle tree, a Solana pode disparar 170% este ano puxado por memecoins ligadas aos candidatos na eleição dos Estados Unidos
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

GameStop e AMC desabam com fim da euforia do retorno de Roaring Kitty

As ações memes da GameStop e AMC caíram drasticamente após a abertura dos mercados dos EUA na quinta-feira, recuando pelo menos 15%
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

Manhã Cripto: ETFs de Bitcoin voltam a captar mais US$ 100 mi por dia nos EUA; Ex-diretor da FTX pede 18 meses de prisão

Mercado também começa a se preparar para veredito final da SEC sobre os ETFs de Ethereum à vista