várias moedas de ethereum eth junto a uma placa de vídeo
Foto: Shutterstock

A Bitmain, uma das maiores empresas de mineração de bitcoin do mundo, colocou à venda nesta quarta-feira o seu mais novo produto voltado para mineração de ETH, mesmo com a rede Ethereum próxima de encerrar a mineração na modalidade Proof of Work (PoW ou ‘Prova de Trabalho’ em português). A “nova’ mineradora, no entanto, já havia sido lançada em abril desta ano.

Em um post no Twitter na terça-feira (05), a empresa descreveu a configuração da ‘Antminer E9’. Segundo a empresa, a nova mineradora tem o poder de 2400 Megahertz e consumo de energia de 1920 Watts, se usada com o algoritmo ‘ethash’.

Publicidade

“Antminer E9 é equivalente a 25 placas de vídeo [GeForce] RTX 3080”, afirma publicação. Na plataforma de venda da Bitmain, o produto é vendido por US$ 15.000, com um adicional de US$ 150 para envio.

No entanto, o timing da chegada do produto parece ter deixado os usuários com o pé atrás.

“Nova mineradora quando ETH vai para [Proof of Stake] PoS? Haverá entrega após a fusão?”, questionou o usuário MorrisMustang.eth.

Ele se referiu a tão aguardada transição do consenso de proof of work (PoW) para proof of stake (PoS) na rede Ethereum, que pode acontecer ainda neste ano. Com a mudança — processo também conhecido como A Fusão —, encerra-se a mineração por meio de prova de trabalho; testes estão sendo realizados há vários meses.

Um usuário bom de memória ironizou a ação de marketing da Bitmain, relembrando que Antminer E9 já havia sido lançada meses atrás e só agora foi colocada à venda. 

“É oficial! A hora chegou. A Bitmain está se livrando de suas [mineradoras] E9 com as quais eles mineram secretamente há muito tempo e pouco antes do Ethereum ir para o PoS e todas as moedas ETH se tornarem inúteis para as minhas [máquinas] Quem quer comprar?”, ironizou Hans Jørgen Steg.

Publicidade

Na época do lançamento, em abril deste ano, a Bitmain forneceu informações técnicas diferentes, mas com o mesmo propósito, em tentar mostrar superioridade sobre as placas GeForce, um produto da Nvidia.

VOCÊ PODE GOSTAR
Moeda de Ethereum na frente de gráfico

Ethereum pode atingir US$ 8 mil este ano com aprovação dos ETFs, diz Standard Chartered

O chefe de pesquisa do banco prevê que o evento pode gerar entradas de US$ 15 bilhões a US$ 45 bilhões na segunda maior criptomoeda do mercado
Ilustração de correntes ilustradas com pequenos zeros e uns

Projeto para soluções do sistema carcerário via blockchain vence hackathon na Ethereum Rio

Freedom Chains visa que todo tipo de comportamento do preso seja registrado on chain para evitar corrupção ou injustiças
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
dupla de homens sendo presa

Irmãos são presos por roubo de R$ 130 milhões em ataque de 12 segundos na rede Ethereum

O procurador americano Damian Williams disse que “este suposto esquema era novo e nunca havia sido acusado antes”