Imagem da matéria: MetaMask anuncia que vai coletar dados de usuários e enfrenta chuva de críticas
Foto: Shutterstock

A ConsenSys informou os usuários nesta quinta-feira (24) que irá coletar dados adicionais daqueles que utilizam a sua popular ferramenta Infura, gerando uma chuva de críticas nas redes sociais. 

A Infura é uma ferramenta baseada em API que permite aos usuários conectar seu aplicativo à rede Ethereum, que fornece a base para muitos projetos-chave da Web3, como Aragon, Gnosis, OpenZeppelin e o próprio serviço de carteira principal da ConsenSys, a MetaMask.

Publicidade

Depois que a Infura foi adquirida pela empresa de blockchain com sede em Nova York no final de 2019, a ferramenta agora se orgulha dos cerca de 350 mil desenvolvedores e também inclui suporte para outras blockchains como a Polygon e a Filecoin. A ConsenSys é um dos 22 investidores estratégicos do Decrypt.

De acordo com as atualizações das políticas de privacidade da ConsenSys, quando você usa o Infura como seu provedor de chamada de procedimento remoto (RPC) padrão na MetaMask, ele coletará seu endereço IP e seu endereço de carteira Ethereum sempre que você fizer uma transação. 

No entanto, se você estiver usando seu próprio Nó Ethereum ou um provedor RPC de terceiros com MetaMask, a ConsenSys diz que “nem a Infura nem a MetaMask coletarão seu endereço IP ou endereço de carteira Ethereum.”

RPCs alternativos que podem ser utilizados pelos desenvolvedores da Ethereum incluem Alchemy, QuickNode, Moralis e Tatum. Estas ferramentas têm também as suas próprias políticas de coleta de dados, que poderão também estar sujeitas a alterações no futuro. 

Publicidade

A ConsenSys não está sozinha 

Mas a ConsenSys não é a única empresa que recentemente tomou a decisão de aumentar a quantidade de dados que coleta de sua base de usuários.

A exchange descentralizada Uniswap recentemente começou a coletar alguns dados off-chain, como o tipo de dispositivo ou navegador dos usuários, dizendo que a mudança visava melhorar a experiência do usuário.

A Uniswap disse que a coleta de dados não incluiu outras formas de informações pessoais, como o nome ou sobrenome do usuário, endereço completo, data de nascimento, endereço de e-mail ou endereço IP.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Coinbase lança carteira inteligente, visando trazer 1 bilhão de usuários para cripto

Coinbase lança carteira inteligente, visando trazer 1 bilhão de usuários para cripto

Prometendo configuração simples e transações sem gás, as carteiras inteligentes da Coinbase foram projetadas para funcionar em diferentes redes e aplicativos
Imagem da matéria: Terraform Labs e Do Kwon pagarão US$ 4,5 bi para resolver o caso de fraude da SEC

Terraform Labs e Do Kwon pagarão US$ 4,5 bi para resolver o caso de fraude da SEC

Embora o magnata das criptomoedas ainda esteja em Montenegro, ele agora está sendo responsabilizado pessoalmente por US$ 204 milhões
Imagem de Glaidson Acácio dos Santos, mais conhecido como Faraó do Bitcoin

Gilmar Mendes mantém prisão de Glaidson Acácio dos Santos, criador da GAS Consultoria

A defesa do ‘Faraó do Bitcoin’ alegou problemas psiquiátricos e uso de medicamento controlado, além de questionar a jurisdição acerca da competência para os processos
Sede da Braiscompany em Campina Grande, Paraíba

TRF anula contrato e Braiscompany é condenada a pagar R$ 50 mil a cliente

O contrato de serviço de cessão temporária de criptoativos foi anulado pela 17ª Vara Cível de Brasília