Imagem da matéria: “Dogecoin pode ser minha criptomoeda favorita”, diz Elon Musk

O bilionário Elon Musk, fundador e CEO da Tesla e da SpaceX, foi o escolhido pela comunidade da criptomoeda Dogecoin (DOGE) como seu novo líder.

A enquete, feita no Twitter, ocorreu no Dia da Mentira (1º de abril) e o fato correu por todas as mídias após o aval do empresário, ainda que de brincadeira.

Publicidade

A conta oficial da Dogecoin publicou:

“Ouvimos suas preocupações e decidimos que a Dogecoin precisa de um CEO. Alguém que pode nos conduzir para o futuro, mantendo os valores fundamentais do que somos. Abaixo estão os candidatos, vote com sabedoria”.

Os candidatos apontados pelo usuário eram os seguintes:

Elon Musk, presidente da Tesla e SpaceX; Charlie Lee, fundador do Litecoin; Marshall Hayner, CEO da Metal Payments; e Vitalik Buterin, fundador do Ethereum.

Ao publicar o resultado da enquete com Elon Musk em primeiro lugar, o usuário Tom Heats teve uma surpresa — Musk respondeu:

“Dogecoin pode ser minha criptomoeda favorita. É muito legal”.

A conta oficial publicou, então, sua ‘nomeação’:

“Parece que você é o CEO agora @elonmusk, DM para que possamos lhe enviar os códigos de acesso”.

O empresário mudou, então, sua biografia no Twitter para ‘CEO da Dogecoin’.

Dos 4.366 votos, Elon Musk obteve 54% e ficou em 1º lugar, seguido de Hayner, com 29%. Buterin e Lee ficaram em 3º e 4º lugares, com 9% e 8% respectivamente.

Publicidade

Com o hype, houve até pedido de listagem do DOGE na Binance.

Musk, contudo, baixou o hype na comunidade quando novamente mudou sua biografia no microblog para ‘Ex-CEO da Dogecoin’.

Imagem: Reprodução/Twitter

Dogecoin valorizou após brincadeira

Entre 01 e 02 de abril, o Dogecoin teve uma alta de aproximadamente 20%, seguindo logo depois de mais alta, devido à valorização repentina do mercado em geral.

Hoje um Dogecoin está cotado a R$0.013048 (US$0,003356) com uma alta nas últimas 24 horas de 30% (o acumulado desde o dia 01/04 é de 59%). Seu market cap no momento é de R$ 1.552.728,73 com volume no Brasil de R$ 587.059,17.

Criptomoeda foi criada de brincadeira

A Dogecoin é uma criptomoeda que foi criada em 2013 por Jackson Palmer e Billy Markus de brincadeira, para lembrar um meme muito popular na internet cuja imagem é de um cachorro da raça Shiba Inu, oriunda do Japão.

Em setembro do ano passado, considerando as quedas constantes no criptomercado, a altcoin contrariou o movimento e chegou a disparar quase 150% em algumas semanas.

Publicidade

Antes, a criptomoeda era mais utilizada em plataformas sociais como o Reddit ou o Telegram e seus usuários enviam gorjetas uns aos outros quando gostam ou concordam com publicações.

No entanto, o criptoativo foi ganhando prestígio até ser listado em várias exchanges de criptomoedas, inclusive em grandes corretoras.


Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
máquinas de mineração de criptomoedas apreenidas em

Polícia apreende 396 mineradoras de Bitcoin em casa de ex-deputado paraguaio

Miguel Cuevas, que já foi preso por enriquecimento ilícito, agora pode também ser investigado por furto de energia
Moeda de Ethereum na frente de gráfico

Ethereum pode surpreender positivamente nos próximos meses, diz Coinbase

Subindo menos que outras criptomoedas em 2024, o Ethereum pode se recuperar e superar seus pares nos próximos meses, avalia a Coinbase
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Câmara dos EUA aprova nova lei cripto em dia decisivo para ETFs de Ethereum

Manhã Cripto: Câmara dos EUA aprova nova lei cripto em dia decisivo para ETFs de Ethereum

Nesta quinta-feira termina o prazo para a SEC aprovar ou rejeitar o ETF de Ethereum da VanEck