Imagem da matéria: Danilo Gentili lucra R$ 100 mil com vendas de NFTs da coleção “Brazuera” 
Ilustração do Metaverso do Danilo Gentili ‘Brazuera’ (Imagem: Reprodução)

O humorista e apresentador de TV, Danilo Gentili, lucrou cerca de R$ 100 mil com o lançamento de sua coleção de tokens não fungíveis (NFT) Brazuera, realizado na semana passada.

Quando as vendas foram abertas no dia 7 de novembro, os 500 NFTs que compõem a coleção foram vendidos em sete horas. Como cada NFT estava à venda por 0.025 ETH, o humorista lucrou 12.5 ETH, uma quantia de criptomoedas equivalente a aproximadamente R$ 100 mil na cotação daquele dia do ether.

Publicidade

O feito fez o Gentili ir até o Instagram, onde acumula mais de 10 milhões de seguidores, comemorar o que chamou de “recorde”, aproveitando a ocasião para cutucar os críticos da coleção:

“Ontem apareceram uns especialistas na nossa comunidade do Discord dizendo que éramos amadores e não deveríamos nos envolver com isso. Resultado: VENDEMOS 500 NFTs em menos de 7 horas! Um Recorde! Obrigado pra todo mundo que participou!”

Os lucros do humorista com a coleção podem ser ainda maiores, já que ele cobra uma taxa de 10% nas negociações secundárias. Ou seja, toda vez que um NFT da coleção é vendido de um usuário para outro, ele ganha 10% do valor da venda.

Desde que a coleção foi lançada, já aconteceram 85 revendas no OpenSea, a maior plataforma de negociações de NFTs do setor. Por lá, o volume total de negociações ficam por volta de R$ 52 mil.

Publicidade

A plataforma também mostra que, embora os 500 NFTs da coleção tenham sido vendidos, não foram 500 pessoas diferentes que participaram da venda. Atualmente são 320 usuários com um NFT da coleção, o que significa que a taxa de detentores únicos é de 64%.

NFTs da coleção Brazuera de Danilo Gentili (Fonte: OpenSea)

O que é Brazuera?

Brazuera é o metaverso do Danilo Gentili no qual ele se autoproclama presidente. No site do Brazuera — que destaca a frase “Yes, We Zuera” — o humorista assina uma sinopse, descrevendo seu mundo com monstros e gigantes, o desafio e a busca por vitória em um espaço devastado. “É além da imaginação que encontraremos as forças para vencê-los”, diz um trecho.

Gentili diz que aquele que se interessar pela coleção de NFTs poderá “fazer parte de uma comunidade que ousou apostar na valorização de uma ideia” e “avançar esse ermo deserto hostil em prol das liberdades”. Para ele, trata-se de “um valor ainda virtual no nosso País real”.

O site informa também que o usuário que adquirir um NFT da coleção, ganha “o direito à cidadania no BRAZUERA”.

Publicidade

Uma das figuras de maior destaque da Brazuera é o Vira-Lata Caramelo, que Gentili descreve como o “espírito que nos conduz”. “Somos um povo sem raça, embora tenhamos todas as raças em uma só, podemos ser espertos como as serpentes porém somos dóceis como os pardais, sobrevivemos às piores condições de abandono sem nunca perdermos a ternura.”

Quem está por trás do projeto de Gentili é Angelo Whosoever, fundador do Esquentaverso. Ele também ajudou Marco Luque a criar uma coleção de NFT, mas esta não teve o mesmo sucesso que a coleção do antigo colega do CQC.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: CEO da Binance afirma que está considerando "algumas jurisdições" para a sede global

CEO da Binance afirma que está considerando “algumas jurisdições” para a sede global

“Quais são as jurisdições que têm regulamentações que podem atender ao nosso conjunto de produtos?”, questiona Richard Teng
Imagem da matéria: Solana encontra solução para lentidão e apressa validadores a atualizar "o mais rápido possível"

Solana encontra solução para lentidão e apressa validadores a atualizar “o mais rápido possível”

Os desenvolvedores da Solana criaram uma correção para o congestionamento e pedem ajuda dos validadores nos testes
Logotipo OKX ao fundo tela trading

OKX lança rede Ethereum de segunda camada para desafiar a Base da Coinbase

Uma rede de escalonamento Ethereum de segunda camada construída pela OKX lançou a rede principal, abrindo caminho para novos usuários
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin sobe 4% e Ethereum salta 7% puxados por ETFs em Hong Kong e alívio de tensões no Oriente Médio

Manhã Cripto: Bitcoin sobe 4% e Ethereum salta 7% puxados por ETFs em Hong Kong e alívio de tensões no Oriente Médio

Após forte queda no fim de semana, Bitcoin e Ethereum voltam a ganhar força com notícias de que Hong Kong aprovou ETFs das criptomoedas