Imagem da matéria: Criptomoeda valoriza 386% em 15 dias, mas tem todos os indícios de golpe
Foto: Shutterstock

De 1º de janeiro até a manhã desta sexta-feira (15), a criptomoeda HedgeTrade valorizou 386%, passando de US$ 0,43 para US$ 2,09, segundo dados do CoinMarketCap. Só nas últimas 24 horas, a alta foi de 113%, maior do que qualquer outra do mercado.

Apesar da disparada, o suposto ativo digital tem um fortes indícios de manipulação e golpe. De acordo com a plataforma ‘Is this coin scam?”, que avalia a qualidade de uma criptomoeda com base em diversos critérios, tanto a HedgeTrade como a Rublix — empresa por trás da criptomoeda — são suspeitas.

Publicidade

Um dos indícios apontados é a falta de presença de ambas no GitHub, plataforma em nuvem que serve de repositório de projetos e códigos de desenvolvedores. Não há atividade, comentários de outros desenvolvedores nem avaliações.

Também não há matérias sobre o projeto em veículos conhecidos ou mesmo posts em redes sociais. A Rublix, em seu site institucional, também não disponibiliza informações sobre CEO ou telefone para contato. Informa apenas que está localizada em Cingapura.

Pump e dump

Talvez um ponto positivo seja a capitalização. Hoje, o market cap do ativo é de US$ 598 milhões, o que coloca a moeda entre as 50 com maior volume de mercado da lista do CoinMarketCap. Nas últimas 24 horas cerca de US$ 1,4 milhão de tokens HedgeTrade foram negociados.

Cabe lembrar, no entanto, que o mercado de criptomoedas também é alvo de esquemas de “pump e dump”. Em síntese, golpistas soltam rumores, conseguem “inflar” o preço de uma criptomoeda e, assim que diversos investidores resolvem comprar, eles realizam lucros e ficam com a grana. Em seguida, o preço despenca e os últimos compradores ficam com o prejuízo.

Publicidade

O que é a HedgeTrade?

De acordo com seu site institucional, a HedgeTrade é uma plataforma blockchain voltada para traders amadores publicarem suas previsões sobre o mercado financeiro.

Se os prognósticos estiverem corretos, eles ganham rendimentos dos usuários que compraram as informações. Se estiverem incorretos, são os compradores que ficam com os juros.

Há cerca de 1 milhão de tokens disponíveis no mercado. Desse total, segundo a empresa, 348,7 mil já foram minerados.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Dificuldade de mineração do Bitcoin cai 7,8%, maior recuo desde o colapso da FTX

Dificuldade de mineração do Bitcoin cai 7,8%, maior recuo desde o colapso da FTX

O recuo substancial do preço do Bitcoin desde março prejudicou a renda do setor de mineração em geral
Pessoa segura smartphone com logo BUSD com as mãos apoiado em uma mesa

SEC encerra investigação sobre stablecoin da Binance sem ações de penalidade

A SEC alegou que a stablecoin BUSD era um valor mobiliário em um processo movido contra a Binance no ano passado
Imagem da matéria: Sinais mistos deixarão Bitcoin "instável" nos próximos meses, diz Coinbase

Sinais mistos deixarão Bitcoin “instável” nos próximos meses, diz Coinbase

O terceiro trimestre de 2024 começou com um “tom amargo” graças às vendas de Bitcoin da Alemanha e da Mt. Gox, diz a Coinbase Research
Carteira de couro aberta mostra várias criptomoedas físicas

As 9 criptomoedas que podem disparar em julho

Analistas ouvidos pelo Portal do Bitcoin indicam quais criptomoedas têm potencial de alta para o mês de julho