Imagem da matéria: Criadora de soluções de segunda camada para Ethereum recebe aporte de US$ 50 milhões
Foto: Shutterstock

Matter Labs, a empresa por trás do zkSync, uma solução de escalabilidade de segunda camada do Ethereum, arrecadou US$ 50 milhões em uma rodada de financiamento Série B (quando uma empresa atinge certos objetivos e não está mais na fase de ser considerada uma startup), liderada por Andreessen-Horowitz (a16z).

O aporte é seguido de outra rodada maior Série A de US$ 6 bilhões, realizada em fevereiro deste ano que também incluiu os investidores Placeholder, Dragonfly e 1kx, junto com parceiros estratégicos como Blockchain.com, Crypto.com, ConsenSys, ByBit, OKEx, Alchemy e Covalent.

Publicidade

De acordo com o anúncio feito pela empresa na segunda-feira (8), outros grandes investidores também participaram da rodada mais recente, incluindo Aave, Paraswap, Lido, Futureswap, Gnosis, Rarible, Aragon, Liquity, Celer, Connext, Perpetual, Euler, Opium, dentre outros projetos.

Sediada em Berlim e espalhada pelo mundo, Matter Labs engloba uma equipe de desenvolvedores que trabalha em um protocolo de escalabilidade de segunda camada chamado zkSync — uma solução baseada em contratos inteligentes, criada para aumentar tanto a quantidade como a velocidade de transações suportadas na rede Ethereum.

zkSync é uma implementação de “ZK-rollups”, uma tecnologia de escalabilidade que permite a realização de transações mais rápidas e baratas enquanto preserva as propriedades de segurança da blockchain.

Embora existam diversas outras soluções de ZK-rollups no mercado, a equipe acredita que sua abordagem confiável à escalabilidade torna o protocolo único.

Publicidade

Conforme explicado pela equipe do Matter Labs, ao adotar a arquitetura de ZK-rollups, zkSync herda completamente as garantias de segurança do Ethereum. No entanto, “é a única abordagem de escalabilidade em blockchain que depende puramente de criptografia em vez de validadores, pontes ou supervisores coletivamente confiáveis”.

“É um projeto motivado por uma missão”, afirmou Alex Gluchowski, cofundador e CEO do Matter Labs. “Nosso objetivo a longo prazo é tornar a participação autossoberana na economia digital — ou seja, mantendo o verdadeiro controle dos ativos digitais de alguém — acessível a qualquer pessoa no mundo”.

Matter Labs recorre à comunidade

A empresa planeja usar os fundos recém-arrecadados para impulsionar suas equipes científicas e de engenharia com novos talentos, enquanto acrescenta ainda mais foco no seu crescimento comercial.

“Até recentemente, focamos quase que exclusivamente na inovação tecnológica. Agora, é hora de aplicar um esforço combinado e similar em contatar usuários e desenvolvedores, o que exigirá escalar nossas iniciativas de desenvolvimento comercial e de marketing e desenvolver nossa comunidade e nosso ecossistema”, explicou Zoé Gadsden, diretora operacional do Matter Labs.

Publicidade

Embora a atual versão do zkSync esteja disponível na rede principal da Ethereum desde 2020, Matter Labs também está trabalhando em uma nova versão.

De acordo com a empresa, a futura rede de testes para a segunda versão do zkSync já possui mais de 150 registros de projetos de Finanças Descentralizadas (DeFi), tokens não fungíveis (NFTs), jogos e organizações autônomas descentralizadas (DAOs), dentre outros.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Um pessoa acompanha um gráfico de alta com o dedo indicador gŕadico de alta

Analistas indicam 3 criptomoedas que podem disparar em meio a queda do Bitcoin

Analistas da Fairlead Strategies produziram um gráfico de rotação relativa (RRG) das principais altcoins em relação ao BTC
Vitalik Buterin posa para foto na ETH Taipei 2024

Criador do Ethereum, Vitalik Buterin explica qual é o erro dos tokens de celebridades

O veterano do setor cripto criticou a captação de dinheiro pelas estrelas, afirmando que o hype pode ser aproveitado para fazer o bem
Imagem da matéria: Nova York processa minerador de criptomoedas e exchange cripto por fraude de US$ 1 bilhão

Nova York processa minerador de criptomoedas e exchange cripto por fraude de US$ 1 bilhão

Autoridades acusam a exchange cripto NovaTech e a empresa de mineração AWS Mining de “envolvimento em esquemas de pirâmide ilegais”
Imagem da matéria: Quem é Roaring Kitty e o que seu retorno significa para as criptomoedas?

Quem é Roaring Kitty e o que seu retorno significa para as criptomoedas?

Keith Gill, o Roaring Kitty, encenou seu retorno ao Twitter, depois ao Reddit e, finalmente, de volta ao YouTube com uma transmissão ao vivo que atraiu 700.000 espectadores