Imagem da matéria: Corretora de criptomoedas FTX vai pagar R$ 1 bilhão para mudar o nome de equipe de eSports
Foto: Divulgação

A corretora de derivativos de criptomoedas FTX vai pagar US$ 210 milhões (pouco mais de R$ 1 bilhão) para a empresa de eSports TSM, baseada em Los Angeles (EUA), mudar o nome para ‘TSM FTX’. A informação foi publicada pelo The New York Times na manhã desta sexta-feira (4).

De acordo com a reportagem, a exchange, cuja sede fica em Hong Kong, irá desembolsar US$ 21 milhões (cerca de R$ 106 milhões) por ano para a startup ao longo de uma década.

Publicidade

O executivo-chefe da FTX, Sam Bankman-Fried, disse ao jornal que decidiu investir no segmento porque viu paralelos entre a corretora e a empresa de games, que ano passado foi avaliada em US$ 410 milhões pela Forbes:

“Pegar uma enorme indústria e, em seguida, reinventá-la na era digital: isso é o que os eSports são para os esportes e é o que as criptomoedas representam para investimentos e para as finanças”.

Ao Times, Bankman-Fried também disse que, com esse novo acordo, espera que os americanos se aproximem cada vez mais do mercado de ativos digitais e fiquem confortáveis para fazer negócios.

A TSM funciona como se fosse um hub que agrega diferentes times de eSports de vários games diferentes.

De Miami Heat para FTX Arena

A corretora está investindo pesado para ter seu nome ligado a outros segmentos.

Em março, a exchange pagou US$ 135 milhões (R$ 750 milhões) para o estádio do Miami Heat – time membro da liga de basquete profissional NBA – ser renomeado para FTX Arena.

Publicidade

Foi a primeira vez que uma empresas de criptoativos ganhou o direito de colocar o nome em um complexo esportivo.

Na época, o executivo-chefe falou que o acordo era uma forma de a corretora “agregar valor à crescente e diversificada comunidade de Miami e das cidades vizinhas”.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Como um trader cripto ganhou mais de US$ 100 mil com apenas dois tuítes

Como um trader cripto ganhou mais de US$ 100 mil com apenas dois tuítes

“Somente em criptomoeda.” A memecoin Pacmoon recompensou um usuário com um grande airdrop – que foi maior do que o esperado graças ao erro de um amigo
Presidente do Banco Central Roberto Campos Neto falando diante de um microfone

Presidente do Banco Central se reúne com MB um dia após anunciar agenda da regulação do mercado cripto

O Banco Central divulgou ontem os próximos passos para a regulação do setor cripto e espera concluir o processo até o final de 2024
Imagem por detrás de uma pessoa algemada

Interpol prende hacker que roubou R$ 260 mil da Polícia de Buenos Aires e lavou fundos com USDT

Liderado por um venezuelano, preso nos EUA, o grupo roubou R$ 8 milhões de entidades argentinas através de um malware de origem brasileira
Imagem da matéria: Coinbase sai do ar durante madrugada após interrupção do sistema

Coinbase sai do ar durante madrugada após interrupção do sistema

Embora a Coinbase tenha informado nesta manhã que o problema estava resolvido, sua página de status ainda indica que o app móvel e site estão com “desempenho prejudicado”