trader de braços abertos gráficos
Foto: Shutterstock

Se o momento de crise no mercado de criptomoedas resulta em prejuízo para a maioria dos investidores, alguns traders encontram no desespero generalizado uma oportunidade para lucrar.

A história de um deles foi divulgada no Twitter pelo perfil de análises Lookonchain, que disse nunca ter visto a atividade de um investidor “tão inteligente”.

Publicidade

Em resumo, o trader desconhecido, que controla o endereço analisado, fez sua fortuna através de três negociações principais. A mais recente delas foi no final de semana, quando o anônimo foi capaz de lucrar US$ 4,1 milhões negociando Ether (ETH) durante a perda de paridade da stablecoin USD Coin (USDC).

Os outros dois movimentos do trader foram um dump de ETH pouco antes do colapso do ecossistema Terra e das moedas UST e LUNA, além da compra antecipada da Shiba Inu (SHIB) e sua posterior venda com lucros em momentos de alta da moeda.

Aproveitando a queda da USDC

De acordo com os analistas do Lookonchain, um único trader, de identidade desconhecida, controla sozinho 15 endereços com os quais fez uma série de traders entre sexta-feira e domingo.

A estratégia dele para lucrar com a perda de paridade da USDC foi a seguinte: na sexta-feira (10), ele comprou 47.670 ETH com US$ 67,58 milhões em USDC. Naquele momento, a USDC ainda mantinha seu preço em US$ 1 e cada unidade de ether era negociada a US$ 1.418.

Publicidade

No domingo (12), quando a USDC era negociada abaixo de US$ 1, o trader vendeu quase todo balanço de ether que havia comprado (47.668 ETH) por US$ 71,72 milhões em USDC.

“Ele fez cerca de US$ 4,14 milhões em dois dias, com um ROI [retorno sobre investimento] de 6%”, escreveu a Lookonchain.

Um movimento parecido também foi feito por uma série de baleias — os investidores que possuem grandes quantidades de criptomoedas — no meio DeFi. Uma estratégia aplicada foi depositar USDC na Aave para pegar USDT emprestado, comprar USDC com USDT, e em seguida voltar a depositar USDC na Aave para repetir a negociação.

Com a queda de preço da USDC, traders conseguiram comprar a stablecoin por um preço menor do que o normal, com o objetivo de realizar o lucro quando a stablecoin voltasse a US$ 1. Um trader, por exemplo, comprou no final de semana 43,4 milhões de USDC com 41,8 milhões de USDT.

Publicidade

Boom da Shiba Inu

O trader anônimo que lucrou US$ 71 milhões também usou a ruína do ecossistema Terra e a alta da shitcoin Shiba Inu para formar seu patrimônio.

O Lookonchain percebeu que os 15 endereços analisados podem pertencer a mesma pessoa porque eles receberam uma grande quantidade de SHIB do mesmo endereço em 21 de abril de 2021.

O endereço “0x7617” pagou 180 ETH (US$ 400 mil) por 5,5 trilhões de SHIB antes que o preço do ativo subisse acentuadamente em maio de 2021. Em seguida, o conjunto de endereços vendeu todo o balanço de SHIB por mais de 35 mil ETH até outubro de 2021.

Em 6 de maio de 2022, esses endereços venderam o balanço de ETH por USDC. “Agora, a maior parte dos recursos foi convertida em USDT e concentrada em 15 endereços, cerca de 71,72 milhões de USDT. Lembre-se de que o custo dele pode ser apenas US$ 400 mil”, finalizou a análise do Lookonchain.

VOCÊ PODE GOSTAR
Joe Biden posa para foto

Biden expulsa mineradora cripto chinesa de área próxima a base militar: “Risco de espionagem”

O governo afirma que a MineOne possui equipamentos especializados de origem estrangeira potencialmente capazes de facilitar atividades de vigilância e espionagem
Imagem da matéria: As criptomoedas estão se tornando políticas – e a Consensys quer ficar fora disso

As criptomoedas estão se tornando políticas – e a Consensys quer ficar fora disso

Enquanto outras empresas gastam milhões em candidatos pró-cripto, Joe Lubin diz ao Decrypt que a Consensys resistiu ao impulso
Imagem da matéria: Corretoras fazem ação para ajudar vítimas de enchentes no RS; 4 vão dobrar doações de usuários

Corretoras fazem ação para ajudar vítimas de enchentes no RS; 4 vão dobrar doações de usuários

Binance irá doar vouchers de tokens BNB para moradores do Rio Grande do Sul, enquanto Bitso, Foxbit, Bybit e OKX irão dobrar os valores doados por seus clientes
simbolo do dolar formado em numeros

Faculdade de Direito da USP recebe evento da CVM sobre democratização dos mercados de capitais

Centro de Regulação e Inovação Aplicada (CRIA) da CVM vai a “Tecnologia e Democratização dos Mercados de Capitais no Brasil” com transmissão ao vivo no Youtube