Com apoio do fundador do Paypal, Coinbase adquire corretora de criptomoedas Tagomi

Empresa recebeu aporte de US$ 2,1 milhões de Peter Thiel

Com apoio do fundador do Paypal, Coinbase adquire corretora de criptomoedas Tagomi
Foto: Shutterstock


A Coinbase anunciou a aquisição da corretora americana Tagomi. Focada em investimento institucional de criptomoedas, a empresa recebeu aporte de US$ 2,1 milhões de Peter Thiel, cofundador do Paypal, há cerca de dois anos.

“Mesmo em um momento de incerteza, vemos agora, mais do que nunca, o momento de avançar na nossa missão de construir a criptoeconomia”, escreveu a Coinbase em nota publicada na quarta-feira (27).

Segundo a empresa, a Tagomi vai reforçar as ofertas para traders avançados e investidores mais sofisticados na Coinbase, “oferecendo a experiência de negociação perfeita que eles esperam nos mercados de ações e Forex”.

“Estamos animados em anunciar que concordamos em adquirir a Tagomi, a principal plataforma de corretagem de criptomoedas”, escreveu a Coinbase.

De acordo com a empresa, aquisição coroa um período de forte foco institucional da corretora. Isso porque os maiores investidores e fundos do mundo estão dando mais atenção à crescente classe de ativos.

Conforme explicou, alguns dos principais fundos de hedge e macro investidores do mundo estão entrando no espaço em busca da nova infraestrutura.

Para a Coinbase, um aumento na demanda de investidores institucionais no ano passado fez com que a exchange criasse alguns recursos avançados.



Dentre eles, escreveu, um ‘margin trading’ para ajudar os investidores em suas estratégias de negociação, além de outras novas ferramentas.

“A incorporação da Tagomi completa nosso conjunto de produtos para o mercado institucional de rápido crescimento”, diz a nota.

Com a Tagomi, a Coinbase vai poder oferecer custódia, recursos profissionais para traders e corretagem em uma única plataforma.

Aposta de Peter Thiel

Apesar de na prática estar tudo certo, a Coinbase diz que, como qualquer outra transação, a aquisição está sujeita às condições habituais de fechamento, incluindo aprovações regulatórias.

Segundo a empresa, o esperado é que a aquisição seja concluída oficialmente ainda em 2020.

Apesar de a empresa não citar Peter Thiel em sua nota, o bilionário contribuiu para o crescimento da Tagomi quando ela ainda era uma startup em estágio inicial.

Em 2018, o fundo de Thiel, Founders Fund, teria arrecadado o que seriam hoje aproximadamente R$ 80 milhões (US$ 15 milhões na época).

Thiel também se destacou como investidor do Facebook e do Paypal. Ele é um grande defensor do bitcoin sua visão otimista sempre recebeu destaque na comunidade de criptomoedas.


BitcoinTrade: Depósitos aprovados em minutos!

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em menos de 5 minutos! Acesse: bitcointrade.com.br